Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Câmara Municipal aprova isenção de IMT a duas empresas que vão investir 10,5 milhões de euros e criar 80 empregos
Detenções por tráfico de estupefacientes e condução sob o efeito do álcool

Câmara Municipal aprova isenção de IMT a duas empresas que vão investir 10,5 milhões de euros e criar 80 empregos

Melhor arraque de sempre à boleia de Pedro Nuno e Chiquinho

Alto Minho

2018-09-14 às 18h12

Redacção

No que toca a incentivos fiscais da Câmara Municipal de Viana do Castelo, destaca-se o facto de serem criadas condições para isentar em cem por cento os investimentos de base local, ou seja, as empresas que pretendem criar novas instalações ou ampliação ou efetuar uma relocalização de investimentos dentro do concelho de Viana do Castelo, integrando ainda os sectores tecnológicos e indústrias criativas.

O executivo da Câmara Municipal de Viana do Castelo aprovou, ontem, em reunião ordinária, a atribuição do benefício de isenção de Imposto Municipal sobre Transações Onerosas de Imóveis (IMT) a duas empresas do concelho que vão investir 10,5 milhões de euros no concelho, criando 80 postos de trabalho. O apoio da autarquia às duas empresas vai atingir um valor global de 34 mil euros.

A Aludec, SA Sucursal em Portugal é uma empresa de produção de componentes decorativos para interior e exterior de automóveis instalada no Parque Empresarial de Lanheses – 2ª fase. No âmbito do seu processo de ampliação e consolidação, pretende construir uma nova unidade industrial, para a qual necessita de adquirir um novo lote de terreno com a área de quase 3.500 metros quadrados. Com esta aquisição, a empresa promove um investimento inicial de 10 milhões de euros e a consequente criação de 70 postos de trabalho, tendo requerido a isenção de IMT do novo lote de terreno.

Já a empresa Abílio Peixoto & Filhos, SA, instalada na Zona Industrial de Neiva – 1ª fase, no âmbito do seu processo de crescimento e consolidação, pretende aumentar a sua capacidade logística de armazenamento e processamento de receção e expedição de mercadorias. Para tal, vai adquirir ao município um lote de terreno com uma área de quase 5.300 metros quadrados, situado na Zona Industrial de Neiva. Este será um investimento de 500 mil euros, que vai permitir a criação de 10 novos postos de trabalho, justificando assim a atribuição de isenção de IMT por parte da autarquia.

No que toca a incentivos fiscais da Câmara Municipal de Viana do Castelo, destaca-se o facto de serem criadas condições para isentar em cem por cento os investimentos de base local, ou seja, as empresas que pretendem criar novas instalações ou ampliação ou efetuar uma relocalização de investimentos dentro do concelho de Viana do Castelo, integrando ainda os sectores tecnológicos e indústrias criativas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.