Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Câmara de Fafe estabelece protocolo com Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga
CIM Cávado e os seus municípios pretendem uma gestão pública inovadora e de base tecnológica

Câmara de Fafe estabelece protocolo com Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga

Paredes de Coura acolhe Ciclo de Polinização Musical

 Câmara de Fafe estabelece protocolo com Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga

Vale do Ave

2024-02-22 às 14h00

Redacção Redacção

Em representação da Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga, marcou presença o seu coordenador, Paulo Sousa, que relembrou o mote daquela Comissão “Memória e Liberdade”. “Celebrar a Liberdade sem memória seria dar continuidade a um erro que soçobrou por demasiado tempo na nossa sociedade.” “É nossa vontade honrar a memória onde quer que tenha havido uma mulher ou um homem que durante 48 anos se opôs à ditadura (…) É fundamental que os mais novos – as novas gerações – conheçam e reconheçam a memória, pois só assim perceberão melhor e valorizarão a Democracia.”, destacou.

Citação

O presidente da Câmara Municipal de Fafe, Antero Barbosa, assinou, esta quarta-feira, um Protocolo de Colaboração com a Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga, no âmbito das Comemorações do cinquentenário do 25 de Abril e da sua programação cultural e ações conjuntas.

Em representação da Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga, marcou presença o seu coordenador, Paulo Sousa, que relembrou o mote daquela Comissão “Memória e Liberdade”. “Celebrar a Liberdade sem memória seria dar continuidade a um erro que soçobrou por demasiado tempo na nossa sociedade.” “É nossa vontade honrar a memória onde quer que tenha havido uma mulher ou um homem que durante 48 anos se opôs à ditadura (…) É fundamental que os mais novos – as novas gerações – conheçam e reconheçam a memória, pois só assim perceberão melhor e valorizarão a Democracia.”, destacou.

Antero Barbosa expressou o seu contentamento por celebrar este protocolo que valoriza aquilo que foi, é e continuará a ser o 25 de Abril. "Valorizamos esta efeméride e estamos conscientes da importância de assinalar e comemorar esta data, relembrando o valor da democracia e da liberdade todos os dias."

O autarca mostrou a total disponibilidade do Município para colaborar com a Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga, tendo ainda anunciado que Parcidio Summavielle, antigo presidente de Câmara, será a figura homenageada nas comemorações do 25 de Abril este ano, em Fafe, dado o “seu relevante papel social e político na valorização dos valores de Abril ao longo dos anos.”

Marcou presença neste ato simbólico, Paula Nogueira, vereadora da Cultura do Município de Fafe, Parcidio Summavielle, antigo presidente de Câmara e Governador Civil de Braga Democrata, Artur Coimbra, membro da Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas do Distrito de Braga e elementos da Comissão Local para as Comemorações do Cinquentenário do 25 de Abril.

2024 é o ano que celebra os 50 anos após a Revolução de Abril de 1974 que pôs fim à ditadura em Portugal. Para comemorar tão importante e distinta efeméride, o Município de Fafe, nomeou uma Comissão Executiva para, em conjunto, organizar um programa comemorativo digno do concelho e da relevância desta data, contemplando objetivos fundamentais como o fomento da participação ativa dos fafenses de todas as freguesias, o envolvimento das escolas e da comunidade educativa, a reflexão, partilha, conhecimento e análise da história e do significado do 25 de Abril de 1974, contando, para isso, com a implicação do associativismo desportivo, cultural e recreativo, enquanto conquista do 25 de Abril, e o envolvimento ativo das juntas de freguesia, enquanto reduto exemplar do Poder Local e da proximidade às ambições e necessidades das populações.

O propósito é a celebração de uma “vivência cívica e coletiva, intensa, partilhada e memorável, evitando olhar só para o passado, e sobretudo ver os problemas e realidades do presente para planear o futuro”, sublinhou o presidente da autarquia, Antero Barbosa.


Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho