Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Clientes do Mercado Municipal de Arcos de Valdevez contemplados com carrinhos de compras térmicos
Aliança Artesanal revela produtos para baptizados, comunhões e casamentos

Clientes do Mercado Municipal de Arcos de Valdevez contemplados com carrinhos de compras térmicos

Micael Sequeira: “Orgulhosos do que fizemos e do contributo para o ranking”

Clientes do Mercado Municipal de Arcos de Valdevez contemplados com carrinhos de compras térmicos

Alto Minho

2020-01-22 às 06h00

Redacção Redacção

No âmbito da candidatura Mercado Circular, a autarquia sorteou 100 carrinhos de compras térmicos pelos clientes do Mercado Municipal. Presidente da câmara participou na entrega aos contemplados.

No âmbito da candidatura ‘Mercado Circular’, a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez sorteou uma centena de carrinhos de compras térmicos pelos clientes do Mercado Municipal local, tendo procedido à sua entrega a alguns dos contemplados.
Recorde-se que a candidatura ‘Mercado Circular’ valorizou o Mercado Municipal de Arcos de Valdevez transformando-o num agente dinamizador de práticas ambientais e sociais sustentáveis e promotor da circularidade da economia.

“O sorteio destes carrinhos, para além de ter sido uma medida realizada em prol do ambiente e que se pretendeu promotora de boas práticas ambientais, contribuindo para a redução do plástico, também foi muito importante para a dinamização do Mercado Municipal, pois apenas ficavam habilitadas ao sorteio as pessoas que fizessem compras no espaço”; explica a autarquia em comunicado.
João Manuel Esteves, presidente da câmara municipal, esteve presente na entrega destes carrinhos, onde enfatizou a importância da iniciativa para a dinamização do mercado e valorização do ambiente, e apelou aos presentes para que continuem a fazer as suas compras no Mercado, reforçando a ideia de que o que lá se vende “é nosso, e ao comprarem no Mercado estão também a ajudar a economia local e o ambiente”.

Os principais objectivos do projecto Mercado Circular são reduzir os impactes ambientais gerados, particularmente associados aos resíduos; reduzir o uso de embalagens de plástico na exposição e na comercialização de produtos; gerir bens alimentares excedentes ou em fim de prazo de validade, bem como adoptar princípios de sustentabilidade, economia circular, economia de partilha e economia social.
De referir também que em substituição dos sacos de plástico a Câmara Municipal também distribuiu em Dezembro sacos de papel pelos comerciantes de frutas, legumes e peixe, bem como recipientes para recolha de óleo alimentar usado que poderá depois ser entregue no Mercado Municipal, onde estão disponíveis quatro unidades de oleões.
O Mercado Municipal também se encontra munido de ecopontos e compostores na zona exterior, bem como de quatro estações de ecopontos interiores.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.