Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Cerveira: Patrulha entrega ‘medicamentos em mão’
Geração Tecla coroada com mérito escolar

Cerveira: Patrulha entrega ‘medicamentos em mão’

Município de Terras de Bouro comparticipa fichas escolares

Cerveira: Patrulha entrega  ‘medicamentos em mão’

Alto Minho

2020-07-05 às 11h00

Patrícia Sousa Patrícia Sousa

População sénior e outros cidadãos de risco do concelho vão receber os medicamentos em mão. Patrulha percorre sete locais em 11 freguesias.


A partir de amanhã, a população sénior e outros cidadãos considerados grupos de risco de Vila Nova de Cerveira vão receber os medicamentos em mão. “Este serviço surge no seguimento da acção dinamizada por alguns presidentes de junta durante o estado de emergência provocado pela pandemia Covid-19 e que, neste momento, necessita de um reforço devido ao desconfinamento gradual que se está a viver”, justificou a vereadora da Acção Social da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Aurora Viães.
O projecto Patrulha de Proximidade – ‘Medicamentos em Mão’ resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira e as farmácias instaladas no concelho.
Desta forma, os seniores e outros grupos de risco passam a dispor, gratuitamente, de um serviço de entrega de medicação em horários e locais identificados em sete das 11 freguesias, evitando deslocações desnecessárias e onerosas à sede do concelho.
A Unidade Móvel de Saúde vai percorrer, às segundas, terças e quartas-feiras as freguesias de Covas, Candemil e Gondar, Gondarém, Loivo, Mentrestido, Sapardos e Sopo “para apoiar as pessoas que sintam dificuldades na aquisição de medicação, devido a problemas de mobilidade, por razões de saúde ou de transporte”. Entretanto, foi criada uma rota específica para chegar às freguesias indicadas, sendo que os farmacêuticos no terreno recebem as receitas que serão entregues no dia seguinte.
“A câmara apresenta-se como parceiro, proporcionando uma maior consistência ao processo, procurando que o serviço se prolongue no tempo e até possa ser progressivamente alargado”, sublinhou ainda a vereadora, adiantando que este “é mais um serviço de proximidade e de apoio” dinamizado pela autarquia cerveirense em prol do bem-estar das populações, “resolvendo necessidades prementes e indo de encontro aos interesses manifestados”, dando assim cumprimento ao plano de acção previsto pela Rede Social.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho