Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Cerâmica Portuguesa valorizada através da comunicação digital
Construção em Ferreiros “não será novo bairro social”

Cerâmica Portuguesa valorizada através da comunicação digital

Coligação PSD - CDS/PP volta a unir forças para disputar autárquicas em Famalicão

Cerâmica Portuguesa valorizada através da comunicação digital

Cávado

2021-03-02 às 17h12

Redacção Redacção

A partir de agora, ceramicadeportugal.pt é uma página de consulta quase obrigatória quando o tema é cerâmica. Trata-se de uma plataforma de ampla divulgação das ações de salvaguarda, defesa e valorização, a nível nacional e internacional, deste património cultural.

A Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica, da qual o Município de Barcelos é cofundador, acaba de dar mais um importante passo na promoção e divulgação de uma arte tão ancestral quanto relevante para o país, com a criação do um website.
A partir de agora, ceramicadeportugal.pt é uma página de consulta quase obrigatória quando o tema é cerâmica. Trata-se de uma plataforma de ampla divulgação das ações de salvaguarda, defesa e valorização, a nível nacional e internacional, deste património cultural.
Esta associação destina-se a promover e incentivar o desenvolvimento económico, turístico e patrimonial dos territórios com larga expressão em cerâmica, garantindo a notoriedade desta arte ao nível interno e externo e contribuindo, simultaneamente, para o reforço da identidade cultural e a preservação da memória coletiva.
A Associação Portuguesa de Cidades e Vilas de Cerâmica (APTCVC) foi criada em 2018 por 14 municípios, a saber: Alcobaça, Aveiro, Barcelos, Batalha, Caldas da Rainha, Ílhavo, Mafra, Montemor-o-Novo, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Tondela, Viana do Alentejo, Viana do Castelo e Vila Nova de Poiares. Posteriormente foram integrados os municípios de Oliveira do Bairro, Porto de Mós, Leiria e Condeixa.
A APTCVC integra o Agrupamento Europeu de Cidades Cerâmicas (AeuCC), que engloba mais de 120 cidades em sete países europeus: Alemanha (10 cidades); Espanha (29); França (10); Itália (46); Portugal (18); Roménia (12) e República Checa (três). Este agrupamento visa desenvolver intercâmbios e a cooperação transnacional no domínio da arte e do artesanato cerâmico, principalmente para criar coesão social e económica, desenvolvendo projetos e serviços para os interlocutores deste sector, no quadro das novas políticas europeias para os territórios.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho