Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Centro de Dia de Santo Estêvão tem acordo com Segurança Social para apoiar idosos
Vizela rubrica protocolos para investimento

Centro de Dia de Santo Estêvão tem acordo com Segurança Social para apoiar idosos

Vitória eliminado da Taça de Portugal pelo "gigante" Sintra

Centro de Dia de Santo Estêvão tem acordo com Segurança Social para apoiar idosos

Braga

2019-10-10 às 13h57

Marta Amaral Caldeira Marta Amaral Caldeira

‘Acrescentando vida aos anos’ é o lema do Centro de Dia de Santo Estêvão, da Associação Grupo Desportivo e Social de Penso Santo Estevão. A instituição acabou de celebrar um acordo de cooperação com a Segurança Social que visa apoiar os utentes.

‘Acrescentando vida aos anos’

O Centro de Dia de Penso Santo Estêvão já tem protocolo com a Segurança Social, permitindo aos utentes pagar de acordo com os seus rendimentos e beneficiar da comparticipação do Estado.
O acordo entre a Associação do Grupo Desportivo e Social de Penso Santo Estevão e a Segurança Social foi assinado, recentemente, dando a possibilidade de que mais idosos da zona da Veiga de Penso possam frequentar diariamente o Centro Social, indicou Maria José Guimarães, a presidente da direcção.

“O acordo com a Segurança Social estipula o apoio social para 16 utentes”, explicou a responsável, acrescentando que a capacidade do Centro de Dia é, no entanto, para 20 utentes. Refira-se que este equipamento é o único do género nesta área do concelho de Braga. “O apoio por parte da Segurança Social é extremamente importante para os idosos que vivem na zona da Veiga de Penso, uma vez que eles não estão abertos a frequentar outros centros do género nas zonas mais urbanas, precisamente porque são pessoas muito ligadas à sua terra e não a querem deixar”, explicou.
A presidente da instituição sublinha que o objectivo maior deste Centro de Dia é a promoção de um “envelhecimento activo” e, acima de tudo, o “combate ao isolamento social”, acrescentando que a Junta de Freguesia, liderada pelo autarca Fernando Silva, tem apoiado de forma especial este projecto.

“Nós garantimos também o transporte dos nossos utentes, no sentido de que eles tenham, de facto, todas as comodidades para se sentirem bem e usufruirem ao máximo de tudo o que o Centro de Dia tem para lhes oferecer e ‘acrescentando vida aos anos’, tal como o nosso lema diz”, frisou Maria José Guimarães.
Recorde-se que o Centro de Dia de Santo Estêvão, instalado na antiga escola primária local e depois de obras de requalificação, foi inaugurado há pouco de mais de um ano, com o objectivo de dar esta resposta social para a terceira idade na zona da Veiga de Penso.
“São inúmeras as actividades que promovemos diariamente no Centro de Dia para garantir dias activos aos nossos utentes, desde aulas de ginástica aos mais diversos jogos para exercitar a mente e que são dinamizados também pela nossa técnica que é animadora social”, referiu a presidente da instituição, sublinhando que este projecto social é “uma mais-valia” para os idosos e para a Veiga de Penso.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.