Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Celorico de Basto espera milhares de visitantes na Festa das Camélias
“Um bom resultado é marcar e não sofrer”

Celorico de Basto espera milhares de visitantes na Festa das Camélias

Esposende Ambiente incentiva separação de resíduos

Celorico de Basto espera milhares de visitantes na Festa das Camélias

Vale do Ave

2019-03-15 às 06h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

Capital das Camélias é marca que o Município de Celorico de Basto potencia para alavancar a economia local. Este fim-de-semana há mais um Festival Internacional.

Celorico de Basto transforma-se este fim-de-semana num ‘jardim’ com a XVI Festa Internacional de Camélias, promovida pela câmara municipal, em parceria com diversas associações e empresas do concelho e com o envolvimento crescente da população.
Ontem, na apresentação da Festa, o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, previu a presença de dezenas de milhares de pessoas na sede do concelho, este sábado e domingo, atraídos por um evento que, na opinião do autarca, tem-se confirmado como “uma festa regional que se afirma no contexto nacional e internacional.”
Celorico de Basto quer afirmar a marca ‘Capital das Camélias’, aproveitando um “produto âncora” para alavancar a economia local.

Números como a exposição/concurso internacional das camélias, o desfile de moda e eleição da rainha e princesa das camélias ou a batalha das flores dão um colorido muito especial à vila de Celorico de Basto, que tem já os seus espaços públicos e estabelecimentos comerciais engalanados com a flor que se afirmou como imagem de marca do concelho.
“Celorico de Basto cada vez mais se afirma como destino turístico de eleição e a Festa Internacional das Camélias é veículo transmissor dessa dinâmica”, considera o presidente da câmara municipal, que releva o “crescimento enorme” que o sector do alojamento turístico tem vindo a registar. Actualmente estão licenciados 400 quartos, perspectivando-se 600 no prazo de dois anos.

A restauração é outro sector que tem vindo a beneficiar da crescente atractividade do concelho de Celorico de Basto, decorrendo, amanhã e domingo, um ‘Fim-de-Semana Gastronómico’ com os restaurantes do concelho a apresentarem como ‘prato de eleição’ o cabrito assado no forno, acompanhado pelo vinho verde da região.
O programa da XVI Festa Internacional das Camélias dá também espaço à Cultura. Este sábado de manhã é inaugurada uma exposição de pintura sobre camélias da autoria de Vítor Resende, Alzira Relvas e Aurora Bernardo. Francisco Camilo está a realizar a residência artística ‘Camélias em grafiti’.

O esforço de afirmação de Celorico de Basto como ‘Capital das Camélias’ levou a câmara municipal a promover este ano a plantação desta planta em espaços públicos.
O vereador do Turismo, Fernando Peixoto, informou que as camélias tem vindo a ser produzidas em massa no horto municipal, tendo sido plantadas cerca de uma centena em canteiros da vila.
Juntas de freguesia e outras entidades públicas têm requisitado exemplares de camélias para plantação.
“Somos a Capital das Camélias, um título que nos confere maior responsabilidade quando falamos deste património natural e por isso, trabalhamos por forma a valorizar e incrementar o gosto pela planta”, justifica o presidente da câmara.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.