Correio do Minho

Braga,

- +
CD da FPF instaura processo a Santiago Colombatto após incidente com Pepe
Trajar sanjoanino fica preservado em livro

CD da FPF instaura processo a Santiago Colombatto após incidente com Pepe

Empreendedorismo social destaca concelho a nível nacional e internacional

CD da FPF instaura processo a Santiago Colombatto após incidente com Pepe

Desporto

2023-06-09 às 19h13

Redacção Redacção

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol anunciou ter instaurado um processo disciplinar ao argentino Santiago Colombatto, do FC Famalicão, na sequência de um incidente com o capitão do FC Porto, Pepe, nas ‘meias’ da Taça de Portugal.

Citação

Em causa estarão alegados insultos racistas dirigidos ao defesa internacional português, durante a vitória alcançada pelos azuis e brancos na recepção aos minhotos (3-2, após prolongamento), na segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal, em 4 de Maio.

Pepe fez queixa à Polícia de Segurança Pública (PSP) logo após a partida, ao passo que Colombatto negou ter proferido insultos daquela índole, num incidente que levou à abertura de um processo de averiguação, tramitado na Comissão de Instrução Disciplinar federativa.

Após o final do jogo da segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal, Pepe acusou Colombatto de lhe ter chamado “macaco” e criticou a “falta de coragem” do árbitro da partida, Manuel Mota.

“É triste isto acontecer entre atletas deste nível. Infelizmente, o árbitro não teve coragem, porque é mesmo isso, falta de coragem, porque ele ouviu. Ele [Colombatto] chamou-me de ‘mono’ . Todos sabem o que é. É macaco em espanhol. Não saí de campo por respeito às pessoas que estavam a ver o jogo e ao Famalicão”, disse o defesa portista, na ‘flash-interview’ da RTP, logo a seguir à partida da segunda mão, que os portistas venceram por 3-2, após prolongamento.

Pouco depois dos 87 minutos, Pepe exaltou-se com Colombatto, que estava no chão, à espera de assistência médica, e com o árbitro Manuel Mota, sendo que o jogo esteve interrompido durante cerca de três minutos, enquanto o central se queixava de ter sido alvo de insultos racistas por parte do adversário.

“É lamentável isto acontecer. Ainda mais, à frente do árbitro, que é o chefe do jogo. Ele ouviu. Ele estava atrapalhado, dizia que não tinha sido ‘mono’, que tinha sido ‘monada’. O árbitro não teve coragem de parar o jogo. Se o chefe maior que está em campo não tem essa coragem, quem vai ter?”, questionou Pepe.

No dia seguinte, o jogador do Famalicão rejeitou as acusações do capitão portista.

"Ontem [quinta-feira] à noite aconteceu algo muito triste durante o jogo com o FC Porto. Não foi a derrota nem a eliminação. Um futebolista da equipa rival, que admiro e considero como uma referência, acusou-me falsamente de o ter apelidado de ‘mono’ [macaco]. Quero pensar que foi um equívoco, que não ouviu corretamente o que eu lhe disse, mesmo que depois de analisar o seu comportamento posterior tenha dúvidas sobre isso”, escreveu o jogador do Famalicão.

Numa mensagem na sua conta de Instagram, o médio famalicense revelou o que disse ao defesa do FC Porto: “As minhas palavras foram textualmente 'deste-me uma patada, idiota'. Há imagens para o comprovar. Além do mais falei-lhe num tom próximo e amigável, dentro do que é um contexto de um jogo e em consonância do que a figura de Pepe significa para mim. Tanto assim é que depois do que aconteceu procurei-o nos balneários para esclarecer o sucedido, mas ele nem quis ouvir-me”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho