Correio do Minho

Braga,

- +
Carvalhal: “Estamos entre um nível bom e excelente”
Escolas de Fafe receberam Bandeira Eco-Escolas

Carvalhal: “Estamos entre um nível bom e excelente”

Sector do Turismo sairá reforçado da pandemia

Carvalhal: “Estamos entre um nível bom e excelente”

Desporto

2021-05-05 às 08h00

Joana Russo Belo Joana Russo Belo

SC Braga recebe o Paços de Ferreira, a partir das 19 horas, em jogo da 31.ª jornada da I Liga. Carlos Carvalhal assume insatisfação pelos últimos resultados e quer voltar aos triunfos. Técnico garante ambição e soluções para a equipa fazer golos.

O rescaldo da época será feito, somente, no final da temporada desportiva do SC Braga - que tem ainda uma final da Taça de Portugal para disputar -, mas Carlos Carvalhal admite uma prestação “entre o nível bom e o excelente”. Com o terceiro lugar e o acesso à Liga dos Campeões mais longe, o técnico admitiu não estar satisfeito com os últimos resultados, contudo recusa, por enquanto, fazer balanços.
“É uma excelente pergunta, mas para uma resposta no final da época. Reservo-me para o final da época fazer um rescaldo. Quando assumimos um clube somos responsáveis do primeiro até ao último jogo. Já estivemos envolvidos em quatro competições, agora estamos em duas para disputar, campeonato e Taça de Portugal. Falar a meio do caminho é falar a meio do caminho, no final veremos o rescaldo e o que atingimos, porque estamos entre um nível bom e um nível excelente, mas, no final, veremos”, sublinhou, rejeitando a ideia de uma menor ambição entre os guerreiros.
“Não, pelo contrário, noto muita ambição na equipa, os treinos têm sido muito intensos, ao que não será alheio o facto de termos um título para disputar, a Taça de Portugal, o segundo título mais importante da época. Todos os jogadores querem estar bem para estarem presentes na final e isso ajuda também”, frisou.
Assumindo não estarem “satisfeitos com os resultados dos dois últimos jogos” - duas derrotas [com Sporting e Marítimo] e sem golos marcados, que colocaram o SC Braga a oito pontos do terceiro lugar - e uma vontade grande de “voltar às vitórias”, Carvalhal admitiu que todas as equipas passam por momentos menos bons.
“Qual é a equipa portuguesa que não teve momentos menos bons? Neste momento, o Sporting está muito bem lançado, mas, se perguntarmos a todos os outros treinadores que ainda não conseguiram os seus objectivos, todos aspiravam a estar melhor, tal como nós”, acrescentou.
No final do último jogo, o técnico falou em falta de confiança pela falta de eficácia da equipa, deixando agora claro que querem “vencer, independentemente, de quem faça golos”.
“Ouvi que o SC Braga é a equipa em Portugal que tem mais golos distribuídos pelos jogadores, 18. Por um lado, fico satisfeito, colectivamente a equipa funciona, é bom; por outro, o normal seria que dois jogadores tivessem cada um pelo menos 12 ou 14 golos marcados. Não vou imputar a responsabilidade aos jogadores, a responsabilidade é minha, eu é que tenho de encontrar soluções para a equipa fazer golos”, referiu o treinador, explicando que a “equipa tem tido uma dinâmica boa e chegado  bastantes vezes a zonas de finalização”. “Agora temos que arranjar soluções e alternativas para se fazerem golos. Os avançados têm responsabilidade, assim como os médios, os laterais, os outros jogadores, é uma realidade que quatro ou cinco jogadores não estiveram no seu melhor nos últimos jogos, não podem estar, foram submetidos a uma carga de tal forma intensa em Janeiro e Fevereiro e eles são humanos, não são máquinas. Conversei com alguns e, se calhar, as coisas mudam num segundo com uma conversa”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho