Correio do Minho

Braga, terça-feira

Carlos Magalhães Vieira vence primeira edição da Taça d’Ouro
TUB estão a renovar informação dos principais abrigos da cidade

Carlos Magalhães Vieira vence primeira edição da Taça d’Ouro

Centro Escolar de Merlim S. Pedro dotado de condições de excelência

Desporto

2018-09-11 às 16h51

Redacção

O Piloto povoense, a correr em casa, venceu a primeira edição da Taça d’Ouro - Especial Rally Sprint, na qual participaram ainda cinco pilotos bracarenses. Um deles, Rui Pinheiro, foi 2.º na Geral Absoluta.

Realizou-se no passado Sábado a primeira edição da Taça D’Ouro-Especial Rally Sprint, um evento que marcou o regresso da velocidade das provas automobilísticas ao concelho da Póvoa de Lanhoso. O grande vencedor acabou por ser um piloto da casa, Carlos Magalhães Vieira, em representação da Senra Sport.
Nesta prova, totalmente portuguesa (24 corredores de lusos), participaram ainda cinco pilotos bracarenses, com destaque para Rui Pinheiro, que alcançou a segunda posição da Geral Absoluta, a escassos 0,150 milésimos do primeiro lugar. A fechar o pódio, a 9,3 segundos do vencedor, ficou Rui Antunes que, a par dos dos dois primeiros, mostrou bom andamento. O 4.º lugar pertenceu a Capela Morais, com João Silva e Nuno Rodrigues a completar o lote de corredores bracarenses.

Este acabou por ser um evento que se dividiu em três passagens no período compreendido entre as 15 e as 19 horas, já depois das verificações técnicas e administrativas realizadas durante a manhã. Também nesse período houve lugar ao reconhecimento do percurso por parte dos participantes, que se efetuou com recurso a bicicletas elétricas fornecidas pela organização do evento. O ponto alto, contudo, estava guardado para a noite, quando os melhores pilotos fizeram as delícias do público presente, na prova Super Especial. Mais tarde, e como forma de encerramento, tempo para a cerimónia de entrega de prémios, que notabilizou, então, Carlos Magalhães Vieira, um piloto da terra, como o grande vencedor da primeira edição da Taça D’Ouro - Especial Rally Sprint, ao volante de um Peugeot 206 S1600. Nesse particular, refira-se que, em relação aos corredores bracarenses, Rui Pinheiro conduziu um BMW M3 E92; Capela Morais um Skoda Fabia 1,9 TDI VRS; Rui Antunes um Citroen AX; João Silva um Fiat Punto e Nuno Rodrigues um Toyota Corola KE20.

Luís Monteiro, artesão responsável pela criação de troféu que conjuga elementos como a madeira, o granito e o ouro e que, no gera, retrata a arte filigrana, não escondeu a emoção quando convidado a descrever a peça que tinha em mãos. “Trabalhamos afincadamente para que a Póvoa de Lanhoso ficasse identificada neste produto. Acho que está aqui uma peça muito original, elaborada por toda uma equipa fantástica e incansável”, disse, antes de justificar a utilização das figuras que lhe deram forma. “A rotunda das bolas, muito significativa para nós, também está aqui identificada neste troféu. Tenho a certeza de que o vencedor vai ficar muito agradado com este troféu”, concluiu.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.