Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Candidatos a reitor querem alargar território da Universidade do Minho
Guimarães assinala Dia Municipal para a Igualdade

Candidatos a reitor querem alargar território da Universidade do Minho

Manuel Tibo confia no futuro de Terras de Bouro apesar da interioridade

Candidatos a reitor querem alargar território da Universidade do Minho

Braga

2021-10-13 às 06h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

Programas de acção de Clara Calheiros e Rui Vieira de Castro já são conhecidos. Candidatos a reitor no mandato 2021-2025 perspectivam a Universidade do Minho para além dos polos de Braga e Guimarães.

O reforço da presença da Universidade do Minho (UMinho) na região é propósito defendido nos programas de acção dos dois candidatos a reitor no mandato 2021-2025, ontem confirmados pela presidente da comissão eleitoral, Joana Marques Vidal.
Clara Calheiros, que se apresenta como alternativa ao actual reitor e recandidato,?Rui Vieira de Castro, propõe mesmo a constituição do ‘Campus do Atlântico’ em Viana do Castelo, alegando que, quase a completar 50 anos, o projecto da UMinho “permanece incompleto, porque ainda não abraçou completamente a região”, o que “só sucederá com a implantação de um terceiro polo da Universidade na cidade de Viana do Castelo”.
Menos explícito, o actual reitor aponta, no programa de acção para os próximos quatro anos, o “desenvolvimento de novos polos da Universidade com foco na investigação e inovação, em articulação com as autarquias”.
A conclusão da instalação do Minho Advanced Computing Centre, no AvePark, Caldas das Taipas, é referida no programa de acção que tem por lema ‘Uma Universidade para o futuro!’, a par da “identificação de necessidades de infraestruturas e equipamento científico e desenvolvimento de uma estratégia visando promover o apoio a essas necessidades, designadamente no quadro da UNorte, junto das entidades financiadoras”.
Clara Calheiros, no seu programa, que intitula ‘Universidade do Minho: ousar ser Mudança no Mundo’, refere que o ‘Campus do Atlântico’ deve considerar a “complementaridade com as ofertas de ensino já existentes no Instituto Politécnico de Viana do Castelo” e a “identificação com objectivos estratégicos de investigação da UMinho, já hoje com expressão em Viana do Castelo”.
“A este propósito, cabe referir o Observatório do Litoral Norte, que irá iniciar a sua atividade este ano, e que resulta de uma parceria entre o Município de Viana do Castelo, a UMinho - através do Instituto para a Bio-Sustentabilidade - o IPVC e o CiiMar”, afirma.
A candidata entende que o movo campus deverá acolher projectos de investigação e de ensino nos domínios do mar e recursos hídricos, clima e renováveis offshore”, complementando o projecto, em curso, do Instituto Multidisciplinar de Ciência e Tecnologia Marinha, no concelho de Esposende.
Sobre esta matéria, a recandidatura de Rui Vieira de Castro parte do trabalho já desenvolvido para defender “o aprofundamento de projectos com autarquias da região, entre outras, Vila Nova de Famalicão e Esposende, tendentes ao estabelecimento de polos e/ou projectos da Universidade, orientados para a investigação, a formação e a transferência de conhecimento”.
A construção de duas residências universitárias, em Braga e Guimarãee, do edifício do UMinho Clinical Digital Centre e de um Centro Multimédia são outras aspirações do actual reitor.
A sua opositora, para além de outras medidas de reabilitação e modernização do património imobiliário da UMinho, sugere o aproveitamento do abandonado “edifício do Castelo”, para acolhimento do projecto MicroMirabilis, de serviços de interface com a comunidade, ao nível de cursos breves, formação de executivos, de um ponto de informação sobre a UMinho no centro da cidade e para o acolhi- mento de exposições, entre outras actividades.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho