Correio do Minho

Braga, sexta-feira

Câmara de Famalicão reabilita três escolas do 1.º ciclo
Semana Municipal para a Igualdade e a Educação promove Café Concerto Inclusivo

Câmara de Famalicão reabilita três escolas do 1.º ciclo

Esposende na vanguarda ao nível da qualidade da água distribuída pela rede de abastecimento público

Vale do Ave

2018-07-18 às 13h25

Redacção

Paulo Cunha anunciou que, durante o próximo ano, a Câmara Municipal vai realizar obras de reabilitação e melhoramento nas escolas EB 1 de Mões, de Avidos e de Arnoso Santa Maria.

As escolas do 1.º ciclo de Mões, na cidade de Famalicão, de Avidos e de Arnoso Santa Eulália vão beneficiar durante o próximo ano de 2019 de um conjunto de obras de reabilitação e melhoramento.
A novidade foi avançada pelo presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, durante uma visita de trabalho às intervenções nas escolas básicas de Conde S. Cosme e de Riba de Ave.
“As grandes obras no parque escolar do 1.º ciclo do concelho estão praticamente concluídas, no entanto, há intervenções de menor escala que são necessárias e urgentes. Como é o caso das escolas de Mões, Avidos e Arnoso Santa Eulália”, adiantou Paulo Cunha, referindo ainda que “outras obras poderão surgir, porque a qualidade do parque escolar é sempre um trabalho inacabado. Há sempre melhoramentos a fazer e intervenções necessárias”, acrescentou.

No que diz respeito às grandes obras, Paulo Cunha refere-se às escolas do 1.º ciclo de Esmeriz, Ruivães, Conde S. Cosme de Famalicão e Riba de Ave, cujos edifícios estão, neste momento, a beneficiar de obras profundas de reabilitação e ampliação. Ao todo, o município tem em curso nestas escolas um investimento de 2,6 milhões de euros, que vai beneficiar mais de 600 crianças do pré-escolar e 1.º ciclo.
Na visita de trabalho que realizou no início da semana, Paulo Cunha mostrou-se “muito satisfeito com o andamento das obras”. Depois de alguns contratempos no arranque da obra, a intervenção na Escola Conde S. Cosme, também conhecida por sede n.º 1, localizada no centro da cidade, está em velocidade de cruzeiro, o que vai permitir às crianças inaugurar o edifício por altura do Natal. “Estas crianças já têm reservada uma prenda de Natal muito especial”, destacou o autarca deixando a garantia que a escola abrirá no início de 2019.
A notícia deixou o director da escola, Carlos Teixeira, “satisfeito e aliviado”.

Também a presidente da União das Freguesias de Famalicão e Calendário, Estela Veloso e os representantes da associação de pais se mostraram-se muito “felizes” com as novidades.
Em comunicado, a autarquia famalicense refere que a escola Conde S. Cosme acolhe cerca de 200 alunos e está a beneficiar de um conjunto de intervenções de fundo com destaque para a ampliação, com construção de refeitório, biblioteca, sala de professores e recreio coberto. Serão ainda executados arranjos exteriores, com a construção de um campo desportivo com relva sintética.

Em Riba de Ave, as obras decorrem igualmente a bom ritmo. E também aqui, a “nova escola” abrirá portas no arranque de 2019. “Estamos muito ansiosos por inaugurar esta escola moderna e de grande qualidade”, salientou a presidente de Junta da Vila, Susana Pereira, acrescentando que “é uma prenda que as nossas crianças e todos os ribadavenses merecem”.
Para além da reabilitação total do edifício, a ampliação prevê a criação de mais duas salas, passando para oito, será ainda criada uma sala de apoio, biblioteca, sala de professores e recreio coberto. Os arranjos exteriores contemplam ainda um espaço desportivo com relva sintética.
Ambos os edifícios fazem parte do plano centenário, isto do conjunto de escolas construídas durante o regime salazarista.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.