Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Câmara compensa transportes urbanos (TUG) com 450 mil euros
URMinho alerta para grave situação da restauração

Câmara compensa transportes urbanos (TUG) com 450 mil euros

Desaire europeu, vitória categórica

Câmara compensa transportes urbanos (TUG) com 450 mil euros

Vale do Ave

2021-01-25 às 12h23

José Paulo Silva José Paulo Silva

Concessionária do serviço de transportes urbanos de passageiros reclama da Câmara Municipal de Guimarães compensação do défice operacional provocado pelo estado de pandemia.

O Município de Guimarães prepara-se para atribuir à empresa concessionáriado do transporte público urbano de passageiros uma compensação de 450 mil euros para cobrir o défice operacional do serviço, provocado pelo anormal decréscimo de passageiros nos últimos meses.
A proposta que hoje é votada em reunião da vereação refere que as sucessivas declarações do estado de emergência impostas para controlo da propagação do novo coronavírus obrigaram a adequar a oferta de transporte público à redução da procura e a um ajustamento nos horários e percursos habituais, pelo que a empresa concessionária, a Transurbanos de Guimarães, reclama aquela compensação por défice operacional, sendo que o cálculo das perdas registadas entre os meses de Outubro último e Fevereiro próximo serão apuradas no final da concessão, a 1 de Março.

Na reunião de hoje, o executivo municipal vimaranense decide sobre a repartição, pelos próximos dez anos, dos encargos com a nova concessão do serviço público de transporte de passageiros, no valor global de 15 milhões e 105 mil euros, à empresa ‘Vale do Ave’, com efeitos a partir de 1 de Agosto.
A Câmara Municipal de Guimarães aprova hoje a atribuição de bolsas de estudo a 175 jovens universitários no valor de 222 250 mil euros.

As candidaturas foram aprovadas ao abrigo do Regulamento Municipal para Atribuição de Apoios a Pessoas em Situação de Vulnerabilidade, ao qual se candidataram 191 candidaturas.
O número de beneficiários de bolsas de estudo cresceu significativamente, já que, em 2019/ /2020 foram atribuídas 62 bolsas de estudo.
Desde 2017, a Câmara Municipal de Guimarães concede bolsas de estudo a estudantes do concelho que frequentem cursos superiores ou a eles equiparados, em instituições de ensino devidamente reconhecidas.
Desde então, já foram atribuídas 320 bolsas, corresponden-tes a um apoio global de 417 mil euros.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho