Correio do Minho

Braga,

- +
Braga ‘vira’ capital internacional de jogos de tabuleiro
‘Rochas que Contam Histórias’ ajudam a proteger ambiente

Braga ‘vira’ capital internacional de jogos de tabuleiro

Município de Arcos de Valdevez e ACIAB juntos na Dinamização e Promoção da Economia Digital no concelho

Braga ‘vira’ capital internacional de jogos de tabuleiro

Braga

2019-12-10 às 06h00

Marta Amaral Caldeira Marta Amaral Caldeira

No próximo fim-de-semana todos os caminhos vão dar ao Altice Forum Braga, que acolhe o Festival Internacional de Jogos de Tabuleiro. Há centenas de jogos para descobrir e jogar até altas horas.

Braga vai ser palco do lançamento europeu do jogo ‘Vírus 2’, da autoria de Santi Santisteban, já no próximo fim-de-semana, durante o Festival Internacional de Jogos de Tabuleiro de Braga - Augusta 2019. Esperam-se cerca de cinco mil visitantes no evento que é dirigido para todos os públicos e que tem como principal objectivo divulgar os jogos de tabuleiro.
O Festival Internacional de Jogos de Tabuleiro de Braga, que conta com a presença das mais importantes editoras nacionais e espanholas, abre portas na próxima sexta-feira, às 16 horas. O evento é organizado pela Associação Cidade Curiosa e resulta de um projecto vencedor do Orçamento Participativo (OP) ‘Tu Decides!’ promovido pelo Município de Braga. Depois do êxito da primeira edição, que arrastou mais de três mil participantes, esta segunda edição vai ter lugar no Altice Forum Braga.

A vereadora da Juventude da Câmara Municipal de Braga, Sameiro Araújo, valorizou o projecto e o facto de ter vencido mais uma vez o OP, com o apoio de mais de um milhar de jovens que diariamente joga jogos de tabuleiro. “O trabalho desta associação tem sido excelente e é muito bom ver que efectivamente os jovens valorizaram e votaram nesta proposta, que vem dar um colorido diferente à juventude, mas também às famílias que investem em iniciativas como os jogos de tabuleiro”, referiu. “É muito gratificante ver que nos espaços onde se dinamizam os jogos de tabuleiro, seja na Junta de Freguesia da Sé, na Ludoteca Municipal ou mesmo na Universidade do Minho, há sempre uma grande adesão e é também muito bom ver que os nossos jovens se interessam por jogos além dos digitais”, disse.

Sameiro Araújo destacou também o projecto ‘Armário 65’, que promove os jogos de tabuleiro por vários espaços da cidade e do concelho - um projecto que em breve passará também pelos Agrupamentos de Maximinos e André Soares, pelas Parretas e, de novo, pelo Mosteiro de Tibães .
Agradecendo o apoio do Município de Braga para levar a cabo este Festival de Jogos de Tabuleiro de Braga e prometendo várias surpresas aos visitantes, Alberto Pereira, presidente da Assembleia Geral da Cidade Curiosa destacou a importância dos jogos de tabuleiro pelas suas “vertentes pedagógica, inclusiva e de convívio familiar”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho