Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Braga vai ‘ganhar’ duas novas praias fluviais em 2021
João Pedro Sousa: “Nesta luta com muita vontade”

Braga vai ‘ganhar’ duas novas praias fluviais em 2021

Quatro praias esposendenses ostentam Bandeira Azul

Braga vai ‘ganhar’ duas novas  praias fluviais em 2021

Braga

2020-06-05 às 06h00

Paula Maia Paula Maia

Cavadinho e Navarra vão sofrer obras de intervenção para a implementação de infraestruturas de apoio aos banhistas, juntando-se a vigilância. Dois novos paraísos em busca do reconhecimento oficial.

As praias fluviais do Cavadinho, na freguesia de Crespos, e de Navarra vão integrar, já no próximo ano, a Rede de Praias Fluviais do concelho, passando a dispor de vigilância e infraestruturas de apoio aos banhistas, como acontece actualmente com as praias de Adaúfe de Merelim S. Paio.
Embora reconhecidas pela qualidade das suas águas, estas duas praias não estão oficializadas como zonas próprias para banhos pelas entidades oficias, por não disporem de infraestuturas homologadas para tal.
Só para a praia do Cavadinho - que este ano voltou a receber o selo de Qualidade de Ouro da Quercus - a câmara de Braga prevê investir 410 mil euros. “O projecto está praticamente pronto”, assegurou ao CM o vereador do Ambiente da câmara de Braga, Altino Bessa.

Para a praia fluvial de Navarra estão previstos 400 mil euros também para a implementação de infraestruturas.
“Nascerão duas novas praias em termos de infraestruturação porque a água balnear é de reconhecida qualidade”, explica o vereador, adiantando que serão também investidos 250 mil euros na Praia de Merelim S.?Paio para o melhoramento das estruturas aí existentes.

“Estamos a falar de um investimento que ultrapassa um milhão de euros nestas três praias”, garante Altino Bessa, indicando ainda que obras poderão arrancar já este ano. “Diria que quase de certeza no próximo Verão as praias estarão disponíveis para serem usufruídas pelos banhistas”, explica.
A oficialização da praia fluvial de Navarra é um “sonho” que o presidente da junta local alimenta desde que iniciou o mandato, adiantando que este é um projecto com muitos anos e que esteve, inclusive, também nas mãos do seu antecessor.

Mário Vieira assegurou ao CM que a praia acolhe muitos banhistas durante o Verão, apesar de não ter qualquer vigilância nem estruturas de apoio. “Tem relva e areal que repomos todos os anos, mas não tem mais nada”, diz Mário Vieira, acrescentando que o projecto prevê a construção de um parque de estacionamento, um bar, posto de socorro, casas de banho e um pequeno parque de merendas. “É uma área muito pequena. Não queremos um espaço de grande afluência”, continua o autarca, sublinhando que a intervenção terá de respeitar a beleza paisagística que caracteriza o local.

Cavadinho: “diamante em bruto” com selo de ouro

É apelidada como um “diamante em bruto”, com condições naturais de excelência, mas que ainda se encontra num estado selvagem. Apesar de ser frequentada por muitos banhistas - não só de Braga, mas também de outros concelhos- a praia do Cavadinho, em Crespos, ainda não está reconhecida pelas entidades oficiais, sobretudo pela ausência de infraestruturas.
Juntamente com Adaúfe, voltou a ser galardoada este ano com o selo ‘Qualidade de Ouro’ pela Quercus devido à qualidade das suas águas, sendo considerada pela Associação Nacional de Conservação da Natureza como a praia com a melhor água do concelho.

Há muito que a qualidade desta praia é reconhecida, mas a junta local reivindica a implementação de infraestruturas para que seja um destino de eleição. “Neste momento existe um projecto praticamente finalizado na câmara municipal. Inclusive há verba para a execução que está destinada num empréstimo que a autarquia fez. Precisamos agora é da execução efectiva da mesma”, diz o autarca da União de Freguesias de Crespos e Pousada, mostrando-se esperançoso que a obra arranque ainda em 2020. “Todos ansiamos que assim seja. Temos tudo. O que falta é que a câmara inicie os trabalhos”, adianta ao CM José Correia, especificando que em causa está uma “intervenção de fundo” que crie “todas as condições de um espaço de lazer do Cavadinho” e que inclui, além dos acessos, a criação de um edifício com bar, gabinete de socorrismo e outras estruturas de apoio à praia, assim como um espaço de banhos com relvado “para que as pessoas possam estender a tolha e passar uma horas neste local idílico”.

A 50 metros da praia, os utilizadores podem ainda visitar um núcleo e azenhas tornando esta visita ainda mais aprazível. “Há um conjugação de vários factores para fazer desta uma zona extraordinária não só para Crespos e Pousada, mas para o concelho, continua José Correia, confessando que “há uma vontade enorme das populações em efectivar esta praia”.

Época balnear nas praias de Merelim S. Paio e Adaúfe arranca a 13 de Junho

A época balnear nas praias fluviais do concelho, nomeadamente de Adaúfe e Merelim S. Paio, arranca no próximo dia 13 como medidas restritvas por causa da pandemia da Covid-19.
Lotação limitada, reforço da higienização, encerramento dos balneários e marcação de percursos de circulação são algumas das regras que terão de ser respeitadas pelos banhistas este ano e que serão inscritas num painel que estará visível à entrada de cada espaço.
Como explicou ao CM o vereador do Ambiente da câmara de Braga, as entradas serão segmentadas. “Em cada uma das entradas teremos uma zona definida para entradas e outra para saídas de forma a que as pessoas circulam por áreas diferentes”, diz.

A limitação vai ser calculada em função da capacidade de cada praia. A autarquia já fez o levantamento da área dos dois espaços, aguardando por parte da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) a indicação sobre o número de pessoas que poderão ter acesso aos locais. Para o controlo e cumprimento das regras há várias soluções pensadas. “A câmara solicitou à APA para que a GNR efectue uma acção fiscalizadora maior do que é habitual”, revela Altino Bessa, adiantando ainda outra das propostas da autarquia neste âmbito é a colocação de um responsável que efectue o controlo dos acesso dos banhistas, assumindo a câmara os custos com a colocação destes efectivos. “Estamos a articular essa possibilidade com as juntas de freguesia porque são elas as detentoras dos espaços”, assegura Altino Bessa.

Além do reforço da higienização (gel desinfectante), não será permitido a utilização dos balneários, pelo que será reforçado o número de chuveiros exteriores.
Os bebedouros estarão inactivos, ficando ainda proibido a utilização as máquinas de fitness colocados junto dos espaço e, no caso de Merelim S. Paio, do parque infantil.
Já no seu interior, nesta época balnear estão igualmente proibidos a utilização de equipamentos náuticos, como gaivotas.

Além da zona da praia, é também necessário garantir o distanciamento junto às churrasqueiras. “Cada uma das praias três locais para fazer churrasco, sendo que do meio ficará vazio para garantir o distanciamento”, explica o responsável.
Assistir-se-à também à marcação dos percursos de circulação dentro da zona da praia.

Durante a época balnear será ainda reforçado a recolha de resíduos, a cargo da Agere.
O número de vigilantes deverá ser semelhante a anos anteriores.
O vereador Altino Bessa revela que actuação da câmara será baseada, essencialmente, na sensibilização para o cumprimentos das normas. “Tem de haver uma responsabilidade individual”, conclui, revelando que a Polícia Municipal poderá ter também uma vez activa, sobretudo com a entrada em funcionamento do terceiro turno.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho