Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Braga é “muito apetecível” para os investimentos de luxo
Município de Famalicão promove webinnar sobre utilização do novo balcão de atendimento digital

Braga é “muito apetecível” para os investimentos de luxo

Requalificação da secundária de Maximinos “é um instrumento de coesão territorial”

Braga é “muito apetecível” para os investimentos de luxo

Economia

2021-03-01 às 10h14

Redacção Redacção

Consultor imobiliário Gilberto Martins destacou é um produto que está na moda. Os cidadãos estrangeiros, essencialmente franceses e brasileiros, estão entre os principais clientes da Remax.

A cidade de Braga vai ‘explodir’ no contexto da procura depois do confinamento, em termos do sector imobiliário. A opinião e do agente Gilberto Martins, da Remax Braga. Apesar da pandemia ter provocado uma paragem nos negócios imobiliários, a perspectiva é que o volume de negócios seja recuperado dentro de pouco tempo.
“Braga tornou se uma cidade muito apetecível. Nesta fase de pandemia as pessoas não viajam tanto e os negócios estão mais parados. A perspectiva é que havendo abertura e desconfinamento, Braga vai ser uma cidade outra vez apetecível para portugueses e estrangeiros. Isso vai originar mais procura e vamos estar com o mercado imobiliário em alta. O imobiliário vai valorizar”, afirmou Gilberto Martins.

Entre os clientes que mais procuram Braga para investir estão os estrangeiros, especialmente os franceses e brasileiros. As áreas mais procurada são o centro da cidade e as freguesias de Nogueiró, Fraiao e Lamaçães.
A grande procura da cidade de Braga foi justificada por Gilberto Martins com facto de ser uma cidade que tem tudo o que as grandes cidades possuem.
“Braga esta no terceiro lugar do ranking nacional de procura de investimentos imobiliários, a seguir a Lisboa e Porto. Braga tem tudo o que tem uma grande cidade, mas onde tudo está mais próximo. Braga é um destino muito interessante. E uma cidade segura onde as pessoas encontram tudo o que necessitam, em paz e segurança”, considerou Gilberto Martins.

O processo de compra ou venda de imóveis e bastante fácil na loja da Remax Braga, com os agentes imobiliários a prestarem o máximo de apoio aos clientes.
“O agente imobiliário tem de ser psicólogo, analista bancário, saber de economia, da parte jurídica, porque as pessoas nao tem noção do que engloba uma negociação imobiliária. Temos de ir às conservatórias, às financas, ao banco. Alem disso há pessoas que estão indecisas em comprar ou vender e tentamos aconselhar”, considerou Gilberto Martins. Para contactar a Remax Braga basta uma chamada telefónica, consultar as redes sociais ou a pagina da internet.
Alem do apoio ao cliente, a Remax Braga aposta também na promoção dos imóveis que coloca a venda.

Devido a pandemia, as visitas aos imóveis estão suspensas, mas é possível consultar as gravações video feitas pelas equipas da Remax Braga. “Em Marco do ano passado a agencia fechou por causa da pandemia e pensamos noutras estratégias. Efectuamos vídeos de imóveis no sistema de ‘virtual tour’. Assim o cliente pode visitar as divisões da casa a distância e podemos interagir com o cliente”, explicou Gilberto Martins.
Gilberto Martins é agente imobiliário desde 2013 tendo estado anteriormente ligado a área de vendas do sector têxtil. Funções que exerceu durante 25 anos. “Quando houve a crise no têxtil optei pela área imobiliária. Tenho tido bons resultados porque o contacto com as pessoas, as relações humanas é que fazem com que o negocio se concretize. A Remax Braga era uma agência interessante e fui a uma entrevista. Propuseram me trabalhar com eles e fiquei quase um ano em formação. Toda a equipa me apoiou e tudo se tornou mais fácil”, frisou.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho