Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Braga consolida imagem de autarquia participativa
Novo site de Amares potencia oferta turística

Braga consolida imagem de autarquia participativa

Incêndio causou danos em fábrica de balanças em Ferreiros

Braga consolida imagem de autarquia participativa

Braga

2016-10-11 às 06h00

Redacção Redacção

Braga continua a consolidar a sua imagem de autarquia participativa. Desta vez, o município bracarense esteve em destaque no II Fórum Participativo, subordinado ao tema ‘Modelo de Governação e Inovação de Base Local’, promovido pelo Município de Águeda e que reuniu especialistas de renome nacional e internacional.

Braga continua a consolidar a sua imagem de autarquia participativa. Desta vez, o município bracarense esteve em destaque no II Fórum Participativo, subordinado ao tema ‘Modelo de Governação e Inovação de Base Local’, promovido pelo Município de Águeda e que reuniu especialistas de renome nacional e internacional.

António Barroso, em representação da Câmara Municipal de Braga, integrou o primeiro painel, subordinado ao tema: ‘Democracia Participativa como processo de educação transgeracional’ onde apresentou o leque de iniciativas de estímulo à participação como o Orçamento Participativo, o Orçamento Participativo Escolar, o Orçamento Jovem ‘Tu decides’, o ‘Nós propomos’, o Parlamento Concelhio dos Jovens, bem como as reuniões descentralizadas dos órgãos autárquicos, a provedoria do munícipe, o atendimento aos munícipes por todo o Executivo Municipal, os diversos órgãos consultivos criados e dinamizados, entre outras iniciativas.
António Barroso referiu que “o reconhecimento das práticas participativas de Braga é muito gratificante.

No entanto, é importante ter a oportunidade de partilhar com outros parceiros nacionais e internacionais as nossas experiências para melhorarmos as nossas iniciativas, servirmos de inspiração e absorver outras acções desenvolvidas que possam incrementar a participação dos bracarenses, par que cada vez mais sejam agentes activos do desenvolvimento do Concelho e do país”.

Este encontro realizado em Águeda revelou-se de grande relevância para a partilha de boas práticas participativas, principalmente pela presença de representantes de autarquias e organismos internacionais como Alistair Stoddart da The Democratic Society de Aberdeenshine na Escócia, Kathleen Glazik da Community Empowerment Unit do governo escocês, de Jezz Hall da PB Network, rede independente de promoção e dinamização de orçamentos participativos no reino unido e de Paolo Spada da Universidade de Southampton que ofereceram a perspectiva das acções desenvolvidas noutros países.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.