Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Barcelos distinguida pelas boas práticas de apoio às famílias
Viana do Castelo: Inaugurada ampliação da rede de drenagem de águas residuais em Mujães

Barcelos distinguida pelas boas práticas de apoio às famílias

Braval oferece compostores

Barcelos distinguida  pelas boas práticas  de apoio às famílias

Cávado

2019-11-29 às 06h00

Redacção Redacção

Município é uma ‘Autarquia Familiarmente Responsável’, título que pre-meia as autarquias que desenvolvem uma política de apoio às famílias.

O Município de Barcelos é uma ‘Autarquia Familiarmente Responsável’, uma distinção atribuída pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR), tendo recebido a respectiva bandeira na cerimónia que decorreu esta quarta-feira, em Coimbra, e em que o Município sde fez representar pela vice-presidente, Armandina Saleiro.
A entrega da bandeira é o acto simbólico que premeia as autarquias que desenvolvem uma política eficaz de apoio e ajuda às famílias, reconhecendo as boas-práticas em matéria de política familiar e distinguindo os municípios que investem na construção de uma política integrada de apoio à família.
A cerimónia contou com a participação do embaixador António Monteiro, do secretário de Estado da Descentralização e da Administração Local, Jorge Botelho, de Maria do Rosário Carneiro, do Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis e, ainda, de Rafael Lucas Pires, da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas.
A vice-presidente da Câmara Municipal de Barcelos destacou várias medidas concretas que se enquadram no âmbito dos valores que este prémio representa, considerando-o um galardão que “atesta que as políticas autárquicas, no campo da responsabilidade familiar têm, de facto, apoiado os munícipes, as famílias e as pessoas mais carenciadas do concelho”.
Ciente de que a família é um marco de coesão social insubstituível para o bem-estar da comunidade e da promoção da integração social no território, o Município de Barcelos promove medidas facilitadoras da vida familiar, nomeadamente na habitação, através da redução do IMI para as famílias numerosas, assim como no arrendamento habitacional e habitação social em que é concedida, pelo Município, uma majoração de 30%, às famílias com três ou mais filhos e de 20% às famílias monoparentais.
Ainda neste alinhamento, ao nível cultural há também a preocupação em conceber programas adequados à participação das famílias. Destacam-se algumas das iniciativas na área cultural, bem como nas áreas de educação e formação, como sejam o apoio ao transporte escolar, o apoio nas refeições escolares, a oferta de manuais escolares, bolsas de estudo para os estudantes do ensino superior, o projecto de intervenção psicossocial e psicoeducativa.
Na área da saúde os projectos ‘Barcelos a Sorrir’, ‘Promoção da Saúde Ocular e Auditiva’ e Promoção de Imagem e o Transporte Solidário são outros exemplos das políticas de apoio às famílias.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho