Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Banco Alimentar recolheu 1.755 toneladas de alimentos no fim-de-semana
Câmara de Barcelos atribui 245 mil euros para coletividades desportivas

Banco Alimentar recolheu 1.755 toneladas de alimentos no fim-de-semana

Diogo Jota, Gonçalo Ramos e Nuno Mendes efetuam trabalho condicionado

Banco Alimentar recolheu 1.755 toneladas de alimentos no fim-de-semana

Nacional

2024-05-27 às 14h17

Redacção Redacção

A campanha do Banco Alimentar contra a Fome recolheu este fim de semana 1.755 toneladas de alimentos em mais de 2.000 superfícies comerciais do país, avançou a instituição de solidariedade social.

Citação

Os resultados da recolha representam "um acréscimo em relação ao valor da campanha homóloga do ano passado, num fim de semana marcado pela coincidência com diversas atividades, como a final da Taça de Futebol, concertos, queima das fitas, confirmando assim quer a solidariedade dos portugueses, quer a confiança renovada nos bancos alimentares contra a fome", lê-se num comunicado da entidade.

"Em tempos de grande ansiedade e alguma incerteza como os que vivemos, enche-nos o coração verificar que se mantêm firmes e inalterados nos portugueses valores tão essenciais como os da solidariedade, da participação cívica ativa", afirmou a presidente da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares Contra a Fome (FPBACF), Isabel Jonet, citada pelo comunicado.

Os alimentos recolhidos vão ser distribuídos em "mais de 2.400 instituições de solidariedade social, que os entregam a cerca de 360 mil pessoas com carências alimentares comprovadas", lê-se ainda na nota.

Na Madeira, foram angariados nos supermercados da Região no fim de semana 28.160 quilos de produtos alimentares, que serão distribuídos nos próximos meses a pessoas comprovadamente carenciadas, através de Instituições parceiras.

Este resultado, segundo uma nota do Banco Alimentar da Madeira, superou o do período homólogo de 2023, em 21,8% bem como o da última campanha realizada, em dezembro do ano passado, em 2,1%.

Além desta campanha presencial, que contou com a participação de cerca de 40 mil voluntários, vai ainda ser possível contribuir, até 02 de junho, através de vales disponíveis nos supermercados ou na plataforma eletrónica disponível em www.alimentestaideia.pt.

No ano passado, os 21 bancos alimentares contra a fome operacionais distribuíram 25,75 mil toneladas de alimentos, num valor global estimado superior a 39,4 milhões de euros.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho