Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Amares reconheceu António Variações com mérito municipal de ouro
Ricardo Costa quer distrito com voz “activa e exigente”

Amares reconheceu António Variações com mérito municipal de ouro

Vitória perdeu em toda a linha no campo... e na bancada

Amares reconheceu António Variações com mérito municipal de ouro

Cávado

2019-12-09 às 08h00

Teresa M. Costa Teresa M. Costa

Homenagem a António Variações com entrega de medalha de mérito municipal grau ouro à família do artista. Presidente da Câmara de Amares realçou que este “filho da terra deixou uma marca no concelho, no país e do mundo”.

‘Apesar de ter partido muito cedo, António Variações deixou uma marca no concelho, no país e no mundo’. As palavras são do presidente da Câmara Municipal de Amares, Manuel Moreira, a propósito da entrega da medalha de mérito municipal, grau ouro, à família de António Variações.
A homenagem decorreu no Mosteiro de Santo André, em Rendufe, e incluiu um momento cultural com um recital de música de câmara protagonizado pelo ‘Re: Flexus Trio’, constituído pelas instrumentistas Ana Sofia Matos (clarinete), Maria Isabel Mendonça (piano) e Mariana Morais (Viola d’ arco).
O executivo municipal de Amares decidiu homenagear o ‘filho da terra’ no ano em que completaria 75 anos se fosse vivo. ‘Entendemos que a medalha de ouro de mérito municipal deve ser entregue a um símbolo de concelho’ realçou o edil amarense, apontando-o como ‘uma grande referência’ e ‘um ícone’ que projectou o concelho.
‘De grande tenacidade e vontade determinada, destacou-se em vida pela sua criatividade e pelo seu pensamento livre. Depois da sua morte, transformou-se num símbolo de liberdade, de criatividade e de determinação’ refere a proposta de atribuição da medalha aprovada pela Câmara.
Manuel Moreira encara o momento como ‘um agradecimento e reconhecimento do povo de Amares’.
A homenagem envolveu a Câmara Municipal de Amares em articulação com a Comissão Promotora da Homenagem a António Variações (2018-2020).
O autarca regozijou-se com a participação na homenagem, destacando a presença de vários familiares de António Variações.
Durante o espectáculo, no Mosteiro de Rendufe, esteve exposta a obra Camões Variações, em resina cristal, da autoria da artista plástica Rueffa.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.