Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Alunos de Caminha protegem Moledo
Estádio Municipal Manuela Machado recebe 466 atletas de 88 clubes para Campeonato Nacional de Sub-20

Alunos de Caminha protegem Moledo

Merelim S. Paio: Acessibilidade e prancha de saltos atraem veraneantes

Alunos de Caminha protegem Moledo

Alto Minho

2024-06-16 às 06h00

Carlos Costinha Sousa Carlos Costinha Sousa

Escolas juntaram-se na divulgação e conservação das camarinhas de Moledo, motivando os alunos para a defesa da biodiversidade. Projecto educativo Emc2 ‘Explorar Matos de Camarinha da Costa’ levou alunos do quinto ano

Citação

No âmbito do Projeto educativo Emc2 ‘Explorar Matos de Camarinha da Costa’, coordenado pela investigadora Alexandra Abreu Lima (MARE-ARNET & INIAV, I.P.) decorreu a 13 de Junho de 2024 uma visita à duna de Moledo e Mata do Camarido (Caminha) para dar a conhecer a planta de nome vulgar camarinha ou camarinheira.
Esta planta de nome científico Corema album (L.) D. Don é um endemismo ibérico (pois apenas existe em Portugal e Espanha) cujas plantas femininas dão as camarinhas, pequenos frutos comestíveis de cor branca ou tom rosado. Nesta visita participaram cinco turmas de alunos do 5.° ano da Escola Básica e Secundária de Caminha, acompanhados pelos seus professores.
O projecto Emc2 teve início em Setembro de 2016 em Moledo e após se verificar uma tendência de diminuição da população de camarinhas na duna de Moledo, iniciou-se em Outubro de 2017 a multiplicação de plantas por estacaria, nas estufas do INIAV em Oeiras.
Esta actividade de multiplicação contou com a colaboração de Investigadores do INIAV, I.P., nomeadamente do grupo de trabalho da camarinha do investigador Pedro Brás de Oliveira, para além do apoio da União de Freguesias de Moledo e Cristelo, do Município de Caminha, o envolvimento da Comunidade Escolar de Caminha e a participação activa da COREMA.
A COREMA - Associação de Defesa do Património, tem sido ativa desde 1988, entre outras ações, na defesa do Rio Minho e da Mata Nacional do Camarido. O carácter emblemático de que se revestiu a conservação deste pinhal é demonstrado na escolha do nome da associação, derivada do nome científico da planta dunar que o batizou - a camarinheira (Corema album).
Esta actividade de multiplicação da camarinha desde 2017 no âmbito do projecto Emc2 já permitiu reintroduzir algumas plantas num local da Mata do Camarido e irá continuar com vista à conservação da população de camarinhas desta zona.
A divulgação desta iniciativa foi feita a nível mundial no Portal de Conservação de Espécies (IUCN, EcoHealth Alliance) e no Portal Marinho e Costeiro (Blue Solutions). Para além da acção de multiplicação, também já ocorreram iniciativas paralelas desenvolvidas pela Associação COREMA com colaboração de um Viveirista da região.
Na visita, os alunos viram as camarinhas na duna e na Mata do Camarido, para além de terem feito uma acção de remoção de chorão (planta invasora) e uma acção de limpeza da Mata, com a ajuda dos seus professores. A visita teve o apoio do Município de Caminha no transporte dos alunos em autocarros.
Este projecto denominado ‘Emc2’ é financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT, Portugal), através dos projetos estratégicos UIDB/ 04292/2020 e UIDP/04292/2020 concedido ao MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, e ao projeto LA/P/0069/2020 concedido ao Laboratório Associado ARNET - Aquatic Research Network.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho