Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Alunos da Escola Secundária Camilo Castelo Branco conheceram patrimonio da Macedónia
UMinho vence prémio internacional de inovação

Alunos da Escola Secundária Camilo Castelo Branco conheceram patrimonio da Macedónia

Programa Cidade Natal vinca marca cultural, aproxima o comércio e envolve as crianças

Alunos da Escola Secundária Camilo Castelo Branco conheceram patrimonio da Macedónia

As Nossas Escolas

2019-10-24 às 12h44

Redacção Redacção

Estudantes da Escola Secundária Camilo Castelo Branco visitaram várias localidades e monumentos da Macedónia. Viagem decorreu no âmbito do projecto ‘Erasmus +’ e permitiu conhecer diferentes culturas.

Um grupo de alunos da Escola Secundária Camilo Castelo Branco (composto por Carolina Sousa, Gonçalo Martins, Mafalda Morais, Raquel Dias, Sandra Araújo e Rui Teixeira) visitou, recentemente, a Macedónia. A viagem decorreu no âmbito do projecto ‘Erasmus +’.
Durante os cinco dias de estadia em Kavardaci, os alunos tiveram oportunidade de trabalhar em grupo, conviver com diferentes culturas e descobrir os costumes e atracções. do país.

Na companhia de colegas dos Açores e da Turquia, os viajantes participaram em visitas conjuntas a Escópia e Ohrid. Com a ida à National Opera & Ballet, à Mesquita, ao monumento histórico kosturnica, ao instituto e museu Bitola e à Baía dos Ossos, os alunos, puderam contextualizar-se histórica e culturalmente com a Macedónia e criar laços com os outros participantes do projecto ‘Erasmus+.’ Pasaram também pelo Mosteiro de Rila. Os estudantes tiveram ainda oportunidade de falar sobre o país de origem, num encontro numa escola local.

Os estudantes famalicenses foram acompanhados pelos professores Sérgio Martins, Elisa Costa e Ricardo Ferreira. Na viagem para a Macedónia, os estudantes famalicenses ficaram a conhecer monumentos e locais emblemáticos de Frankfurt (Alemanha)e Sófia (na Bulgária). Em Frankfurt passaram pelo centro histórico, em especial a Praça Römerberg. Em Sófia, passaram pela montanha Vitosha, edifícios religiosos e as ruínas do Anfiteatro Serdika.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.