Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Abel Ferreira e a luta pelo título: “isto só fecha em maio”
Empresas com políticas de conciliação e igualdade distinguidas pela câmara

Abel Ferreira e a luta pelo título: “isto só fecha em maio”

Furtou jipe dos bombeiros e teve acidente rodoviário

Desporto

2019-02-10 às 06h00

Miguel Machado

Pressão positiva. O SC Braga recebe hoje o Chaves, em jogo da 21.ª jornada da I Liga. Em caso de vitória os Guerreiros podem ficar a dois pontos do 1.º lugar e é com esse foco que vão entrar em campo.

Está criado “um cenário de grande dificuldade” para a equipa do SC Braga no jogo desta tarde contra o Desportivo de Chaves, um adversário moralizado com duas vitórias seguidas, mas Abel Ferreira mostra também vontade de vencer e determinação em tentar levar os Guerreiros do Minho o mais longe possível na luta pelo título nacional.
Em caso de vitória o SC?Braga pode voltar a aproximar-se do primeiro lugar do campeonato, face ao empate do FC Porto em Moreira de Cónegos. Os principais rivais já estão identificados, mas Abel não perde tempo a falar neles. Treinador arsenalista está somente focado nas tarefas dos Guerreiros e a próxima é com o Chaves.

“Eu sei que querem fazer títulos de jornais com Benfica, Porto e Sporting, mas vão ter de fazer títulos com o Braga. Em Dezembro vocês lançaram um campeão, tiraram outro, agora um já está dentro e outro que estava dentro já está fora. Mas isto só fecha em Maio. Há muitos pontos para conquistar. Há muita coisa que vai acontecer. Focamo-nos nas nossas tarefas. A nossa identidade é adaptar-nos a cada contexto. Os nossos recursos económicos, sociais e políticos não são iguais aos outros e essa é a realidade. Vão ter de contar connosco até ao fim. No final do campeonato teremos o que merecemos e o jogo com o Chaves é para nós mais uma oportunidade”, frisou Abel Ferreira, na antevisão da partida com os flavienses, um adversário que elogia: “Os nossos jogos merecem todos a mesma cautela, seja contra quem for. É um adversário que está num ciclo positivo, tem jogadores de qualidade, é bem orientado, e que vai jogar no nosso erro”, alertou.

Abel Ferreira frisou ainda que “jogar para ganhar é a melhor pressão que se pode ter, é a pressão positiva”, rematou.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.