Correio do Minho

Braga, quinta-feira

“A dimensão do Vitória SC é enorme”
Marcelo distinguido com Medalha de Honra do Município de Guimarães

“A dimensão do Vitória SC é enorme”

Santo António de Vila Verde: “A festa do povo para o povo”

Desporto

2019-03-21 às 12h10

Telmo Martins

Rochinha jogador no plantel e mostrou-se surpreendido com a dimensão do clube. Rochinha chegou a Guimarães no último mercado de transferências e, à margem de uma iniciativa ambiental, salientou que se está a adaptar bem ao clube.

O Vitória SC aliou-se à natureza e, no dia em que se comemora o início da Primavera, associou-se ao projecto “Guimarães mais Floresta”, que tem o objectivo de plantar 30 mil árvores no concelho.
Assim, os atletas Rochinha, Miguel Silva, Florent, Joshep, Pedrão e André Almeida deixaram a bola de lado por umas horas e dedicaram-se à plantação de árvores.

Depois do trabalho feito, Rochinha, o mais recente atleta do grupo, analisou os primeiros tempos com o símbolo dos conquistadores ao peito e mostrou-se satisfeito com a adaptação.
“Quando soube do interesse quis vir o mais rápido possível. O Vitória surpreendeu-me muito. Não tinha ideia, aproxima-se muito de um grande, o ambiente que os adeptos criam em casa é fantástico e ajuda muito em busca dos objectivos”, salientou.

Apesar do pouco tempo em Guimarães, Rochinha diz-se bem adaptado ao clube, onde já conhecia jogadores como Rafa ou Tozé. O mais difícil para o extremo está a ser provar a Luís Castro que merece um lugar no onze titular da equipa. Até ao momento, foi utilizado em apenas cinco jogos, entrando a partir do banco.

“A concorrência é maior, é mais difícil do que jogar no Boavista, o plantel tem muita qualidade, mas acredito nas minhas capacidades e quando a oportunidade surgir quero estar pronto e agarrá-la”, assegurou.
Quando aos objectivos da equipa, Rochinha mostrou já conhecer a realidade da equipa e afirmou que a prioridade principal é garantir o quinto lugar e a presença na Liga Europa.

“Queremos o quinto lugar. Sabíamos que era uma questão de tempo chegar lá, agora vai ser difícil mantê-lo mas acreditamos no nosso trabalho e na capacidade de cada um”, finalizou.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.