Correio do Minho

Braga,

A crise académica de Coimbra 1969: uma reportagem fotográfica
Prémios enaltecem mérito de alunos das escolas da Póvoa de Lanhoso

A crise académica de Coimbra 1969: uma reportagem fotográfica

Bolas paradas aniquilaram o sonho das Guerreiras do Minho

Braga

2019-04-15 às 16h00

Redacção

Braga vai ter o privilégio de ser o palco do lançamento nacional do livro/álbum “A crise académica de Coimbra 1969: uma reportagem fotográfica”.

Momento marcante da nossa história recente, a forte movimentação académica (que depois ultrapassou esses limites) verificada em Coimbra a partir de 17 Abril 1969 chamou desde logo a atenção dos estudantes que na altura colaboravam com a Secção Fotográfica da Associação Académica de Coimbra, os quais, apercebendo-se da importância que poderia ter, decidiram fazer uma ampla cobertura fotográfica de tudo o que estava a acontecer, deixando um acervo precioso e único que foi preservado na Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra.

O livro que dá vida a essa colecção foi organizado por José Augusto Azevedo Veloso, nascido em Braga em 1947, onde frequentou o liceu, tendo sido aluno da Universidade de Coimbra entre 1967 e 1969, da qual foi expulso, tendo concluído a licenciatura em Engenharia Mecânica no Instituto Superior Técnico, em Lisboa em 1972.

Profissionalmente foi engenheiro mecânico, especialista em manutenção de equipamentos, tendo trabalhado na D. G. Desportos, Rodoviária Nacional e TAP, sendo consultor acreditado junto do Banco Mundial.
Em Coimbra integrou a secção fotográfica da AAC onde, com um grupo de colegas fez a referida cobertura fotográfica da crise estudantil, até 22 de Junho de 1969, tendo seguidamente organizado uma exposição que esteve patente em diversos pontos do país.

A comemoração dos 50 anos daquela efeméride, culminada com uma inédita greve a exames que abalou fortemente o regime de Salazar/Caetano, levou a que a Editorial Caminho desafiasse J. Veloso a organizar este álbum, patrocinado pela Câmara Municipal de Coimbra, que vai ser apresentado em Braga na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva no próximo dia 17 Abril, às 18 h.
Estarão presentes, além de José Veloso, alguns dos seus colegas na SFAAC e o editor Zeferino Coelho.

Este lançamento integra-se no programa “Para uma universidade nova” com que a Civitas Braga, a Fundação Bracara Augusta, a Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva e a Universidade do Minho assinalam a referida data.
Recorde-se que na BLCS está patente até 30 Abril uma exposição documental intitulada “Os papéis da/na crise académica de Coimbra de 1969”, também integrada naquela programação.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.