Correio do Minho

Braga, sábado

1320 incêndios e 1665 hectares ardidos no Minho até 15 de Agosto
Viana do Castelo cria rede de proximidade entre baldios

1320 incêndios e 1665 hectares ardidos no Minho até 15 de Agosto

Moral da história ‘O Grinch’ cativou as crianças do concelho

Casos do Dia

2018-08-29 às 16h47

Teresa M. Costa

Braga é o terceiro distrito do país com mais incêndios rurais, com um total de 729 ocorrências registadas até 15 de Agosto de que resultaram 1010 hectares destruídos. No distrito de Viana do Castelo, houve 591 incêndios e 655 ha de área ardida.

O distrito de Braga é o segundo com maior área ardida este ano, de acordo com o mais recente relatório do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) que contabiliza o número de ocorrências e a área ardida até 15 de Agosto.
No distrito de Braga, que surge a seguir ao Porto - que se mantém como o distrito com maior número de ocorrências - há registo de 729 ocorrências, um número inferior em comparação com 2017.
No seu relatório, o ICNF salvaguarda, no entanto, que se trata, na sua maioria, de incêndios de menor dimensão, cuja área ardida não ultrapassa um hectare (ha).
Em área ardida, o distrito mais afectado é Faro, em resultado de incêndio de Monchique que representa 77 por cento da área total nacional até 15 de Agosto.
No que toca à área ardida, o distrito de Braga surge em terceiro lugar com um total de 1010 ha.

Cerca de metade da área ardida no distrito de Braga corresponde a matos (503 ha), mas os incêndios afectaram também povoamentos florestais (497 ha) e área agrícola (10 ha).
O distrito de Viana do Castelo contabiliza 591 ocorrências até 15 de Agosto de que resultaram 655 ha de área ardida.
A nível nacional, Maio é, até à data, o mês em que se registou o maior número de incêndios rurais, correspondendo a 22 por cento do total de ocorrências.
Comparando os valores de 2018 com o histórico dos dez anos anteriores, o ICNF assinala que se registaram menos 40 por cento de incêndios rurais e menos 49 por cento de área ardida relativamente à média anual do período.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.