Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +

VII EMAX - uma mostra de cooperação juvenil para o desenvolvimento

O espantalho

Escreve quem sabe

2015-11-29 às 06h00

Manuel Barros Manuel Barros

Decorreu durante o dia 28 de Novembro VII Encontro Mostra | Associativa Xuvenil Galicia | Norte de Portugal, o âmbito do programa POCTEP - Programa de Cooperação Transfronteiriça Portugal - Espanha, implementado ao longo dos últimos três anos pelo IPDJ - Instituto Português do Desporto e Juventude, através da Direção regional do Norte, em parceria com a Direção Geral da Juventude, Participação e Voluntariado, da Junta da Galiza.
Contando ainda, com a colaboração de outras entidades do Norte de Portugal e da Galiza, com destaque para a FNAJ - Federação Nacional das Associações Juvenis, as organização empresariais e as instituições de ensino superior e profissional, este evento enquadra-se num projecto de mais abrangente, na área da juventude, designado “Empreende”. Um projeto com o objectivo de promover o empreendedorismo, desenvolver actividades de cooperação associativa, empresarial e formativa com os jovens e para os jovens, tendo em como propósito aproveitar  e potenciar oportunidades de trabalhar, empreender e viver melhor nesta Euro Região.
Neste contexto, foram realizados todos os anos várias atividades, sendo o EMAX - Encontro | Mostra Associativa Xuvenil, uma das mais significativas, que se foi concretizando, alternadamente, na Galiza e no Norte de Portugal, com grande impacto junto dos jovens e das associações. Desde 2011 integra o Fórum Empreende - FIXE - Fórum de Inovação Xuventude e Empreendedorismo, com o objetivo de incentivar e formar jovens para o empreendedorismo e, em particular, divulgar e promover oportunidades existentes na Euro Região Galiza Norte de Portugal, dando a conhecer acções, projetos e iniciativas de cooperação para o desenvolvimento.
O EMAX é um espaço de aprendizagem, de partilha de experiências associativas desenvolvidas nas mais variados contextos, e áreas de intervenção, pondo em destaque a diversidade cultural que carateriza este território. Criando um espaço de reflexão, sobre a importância da educação, da responsabilidade social e a participação cívica dos jovens não formal tanto ao nível individual, como ao nível coletivo, nas associações juvenis e nos grupos informais, através da troca de experiências e da capacidade de iniciativa dos participantes na mostra.
Uma mostra com espaços de exposição de ideias, atividades e projetos das associações juvenis, entidades prestadoras de serviços à juventude, empreendedores, técnicos de juventude e outras entidades interessados nesta área. Num programa muito diversificado, onde participaram dirigentes juvenis e empresariais galegos, pela parte portuguesa tomaram parte nas conferências, a Casa da Juventude de Amarante no painel sobre organizações juvenis como laboratório para o desenvolvimento de competências. O Centro de Computação Gráfica da Universidade do Minho apresentou a Livelearning - Plataforma Empreendedorismo Jovem NG, desenvolvida no âmbito da construção de pontes entre as organizações juvenis e os empregadores.
No painel dedicado às experiências de participação juvenil, o SYnergia - Centro Jovem de Santo Adrião de Braga apresentou a Academia SYnergia - Rede Desportiva Local. Um projeto de rentabilização das infraestruturas, através do envolvimento de clubes e agentes desportivos, de recursos humanos e de competências técnicas, num vasto leque de modalidades, em prol do desenvolvimento e fomento do desporto, ao nível local. A Ardina - Associação de Jovens de Cambeses, por sua vez, apresentou o resultado das III Jornadas Transfronteiriças da Juventude, que decorreram de 15 a 18 de Outubro, entre Valença, Monção, Tui e Salvaterra do Minho.
Uma grande parceria, com o objetivo de apresentar exemplos concretos, através de boas práticas desenvolvidos neste território, potenciando os recursos existentes na Euro Região, partilhando ideias entre o setor associativo juvenil e o mundo empresarial pode dar lugar a novos serviços para a população e, portanto, gerar riqueza e emprego. Esta iniciativa foi uma excelente oportunidade de aprendizagem de metodologias de desenvolvimento e criação de novas projetos e ideias, com grande potencial na promoção de um território empreendedor e inovador.
Promovendo o autoemprego, novas empresas e emprego por conta de outrém; Identificando oportunidades de negócio, apoiando a estruturação, o financiamento de projetos e o seu acompanhamento, através de uma rede de proximidade, contribuindo para a identificação e o desenvolvimento de novos projetos de empreendedorismo, fundamentalmente, de base local.
O VII EMAX - Encontro Mostra | Associativa Xuvenil Galicia | Norte de Portugal, marcou o fim de um ciclo, em que os parceiros manifestaram vontade em continuar a apostar na dinâmica que resultou de todo este trabalho conjunto, para apostar no empreendedorismo, enquanto “atitude” radicada, na vivência coletiva da “cultura da iniciativa”. Um desígnio transfronteiriço, para promover novas empresas e emprego, identificar oportunidades de negócio, apoiando a sua estruturação, através de uma rede de proximidade, contribuindo para a identificação e o desenvolvimento de novos projetos de empreendedorismo, fundamentalmente, de base local.

Deixa o teu comentário

Últimas Escreve quem sabe

28 Junho 2020

Verbos traiçoeiros

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho