Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Três anos de Unidade de Tratamento Mecânico e Biológico

A Escola e os Media

Ideias

2019-02-20 às 06h00

Pedro Machado

A19 de fevereiro de 2016 foi inaugurada a Unidade de Tratamento Mecânico e Biológico (TMB), em cerimónia presidida pelo Ministro do Ambiente, Eng.º João Pedro Matos Fernandes com todos os acionistas da Braval.
Nestes 3 anos, a TMB recebeu cerca de 210.000 toneladas de resíduos sólidos urbanos, desviando cerca de 7.000 toneladas de resíduos recicláveis e tratando cerca de 117.000 toneladas de resíduos orgânicos. Este tratamento permitiu a produção de 11.000 MWh (Mega Wats) de energia elétrica.
A TMB significou um investimento de aproximadamente 20 milhões de euros (9 milhões na Iª fase e 11 milhões na 2ª fase) co-financiado pela União Europeia, apoiado em 69% pelo Fundo de Coesão (QCA III), na Iª fase, e em 85% pelo QREN – POVT, na IIª fase.

Nestes 3 anos, os resultados foram alcançados com muitas dificuldades e esforço para, diariamente, melhorar os resultados da valorização, de resolver os problemas totalmente novos, de uma unidade com um funcionamento tão complexo.
A TMB reveste-se de grande importância para o tratamento de resíduos, na área da Braval, pois contribui, em grande medida, para alcançar os seguintes objetivos: reduzir a quantidade de resíduos urbanos biodegradáveis encaminhados para aterro; aumentar a quantidade de resíduos preparados para reutilização e reciclagem; valorizar os restantes resíduos que não possam ser reciclados, mas que possam ter outra valorização, evitando que o seu destino seja a deposição em aterro, os chamados CDR’s.

Aqui poderia desenvolver este tema com a necessidade de construção, na região Litoral Noroeste (eixo Valença, Viana do Castelo, Esposende, Barcelos, Braga, Guimarães, Vila Real) de uma Unidade de Valorização Energética de CDR’s. Assim, poderíamos deixar de colocar em aterro as cerca de 40.000 toneladas do refugo da TMB e as 400.000 toneladas desta região. Ficará para outra crónica.
O alcance destes objetivos, por parte da Braval, será um importante contributo para que a empresa consiga cumprir com as ambiciosas metas definidas no PERSU 2020, e assim poder também contribuir para as metas definidas para Portugal pelas instâncias europeias.

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.