Correio do Minho

Braga, terça-feira

Sabe quem é o Ortoptista?

Diciembre, Decembro, Abendua... e Desembre?

Voz à Saúde

2018-06-02 às 06h00

Andreia Magalhães

Na próxima segunda-feira, dia 4 de junho, celebra-se o Dia Internacional da Ortóptica.
A palavra Ortóptica remota ao século VII associada a um físico grego que pretendia treinar os olhos a ver direito: do grego orthos = direito + optikos = olhos, surgindo assim a palavra ortóptica e também a primeira abordagem prática do tratamento do estrabismo.
A Ortóptica é um ramo auxiliar da oftalmologia que trata de distúrbios e defeitos da visão sensorial e motora. O profissional especializado nesta área é o ortoptista, um técnico superior de diagnóstico e terapêutica, que auxilia os médicos oftalmologistas no diagnóstico de patologias oculares através da realização de diversos exames complementares de diagnóstico. O ortoptista procura, ainda, corrigir as anomalias oftalmológicas sem recorrer à cirurgia, através da utilização de terapêuticas específicas de recuperação e reeducação das perturbações da visão.

O ortoptista pode desenvolver a sua atividade profissional em hospitais, centros de saúde, clínicas, institutos de investigação, associações de solidariedade social e ópticas. Integrado em equipas multidisciplinares, o ortoptista trabalha em conjunto com outros grupos profissionais relevantes para o desempenho profissional.
No Hospital de Braga, a equipa de ortoptistas do Serviço de Oftalmologia trabalha diariamente de forma a prestar os serviços e cuidados de saúde necessários à prevenção e monitorização da doença de acordo com a indicação clínica, pré-diagnóstico, diagnóstico e processo de investigação, bem como à promoção do bem-estar e qualidade de vida do indivíduo e da comunidade.

O ortoptista tem um papel preponderante na avaliação oftalmológica em todas as faixas etárias. Nas crianças, é de elevada importância a realização de rastreios visuais precoces de forma a avaliar o equilíbrio oculomotor e sensorial, despistando assim a existência de erros refrativos passíveis de correção ótica ou a existência de patologias como a Ambliopia (conhecida por olho preguiçoso), Estrabismo (olhos tortos), insuficiência de convergência, alteração da visão cromática, etc.
Na idade adulta, o papel do ortoptista centra-se na realização de exames complementares de diagnóstico de diversas patologias, entre as quais a Retinopatia Diabética (que surge como complicação da diabetes mellitus e é uma das principais causas de cegueira), Glaucoma (frequentemente associado a valores de tensão ocular elevados que se não forem normalizados podem causar uma diminuição de visão e de campo visual) e Queratocone (distrofia da córnea, em que esta se encontra em forma de cone, e manifesta-se pela diminuição gradual da visão provocada pela deformação progressiva da córnea).

Com o avançar da idade existem outras patologias a ter em consideração associadas ao envelhecimento progressivo dos tecidos, como é o exemplo das Cataratas (caracterizam-se pela opacificação do cristalino - a lente natural presente no olho - cujo tratamento é cirúrgico) e da Degenerescência Macular Ligada à Idade (a principal causa de cegueira em adultos com idade superior a 50 anos, devido à progressiva degenerescência da mácula - área da retina responsável pela visão central).
Para além do diagnóstico, o ortoptista tem um papel de elevada importância no que respeita à monitorização das patologias e, ainda, na execução de exames pré e pós-cirúrgicos determinantes no sucesso cirúrgico.
Dada a abrangência das atividades que desenvolve, é imprescindível a presença de um ortoptista em todas as equipas que se dedicam aos cuidados da visão.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.