Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +

Sabe mesmo como cumprir um Isolamento?

Plano, Director e Municipal …

Sabe mesmo como cumprir um Isolamento?

Voz à Saúde

2020-04-14 às 06h00

Joana Afonso Joana Afonso

Tem indicação para cumprir um Isolamento quem, em tempo de pandemia COVID-19, estiver com sintomas da doença, tiver diagnóstico confirmado ou quem tiver indicação médica para o fazer, por exemplo, se tiver tido contacto com um doente diagnosticado com COVID-19, sob indicação da Autoridade de Saúde. Saiba que, ao cumprir estas medidas, estará a proteger-se a si, à sua família e a todos ao que, de alguma forma, possam contactar consigo.

Não há uma duração predefinida para o seu período de Isolamento. Esta será adaptada caso a caso, pessoa a pessoa, conforme determinado pela Autoridade de Saúde ou pelo seu Médico Assistente. Importa salientar que, no nosso país, nunca estará sozinho e, mesmo que isolado, terá direito ao contacto diário de um Médico Assistente para que reporte como se sente, esclarecer as suas dúvidas, adaptar medicação ou, simplesmente, preencher um pouco do vazio que se impõe como um dos mais frequentes “sintomas” da doença.

Mas, afinal, será que sabe mesmo como cumprir o Isolamento? Há regras que terá que seguir:
1. Tem que permanecer em casa: não se deslocar para o trabalho, escola ou qualquer espaço público;
2. Restringir o contacto com outras pessoas: se possível, deve ficar noutro alojamento que não o que compartilha com a restante família. Caso não seja possível, deve permanecer num quarto ou divisão só sua, bem ventilada, confortável, com janela para o exterior, sendo que a porta da divisão ficará fechada; Se tiver que sair do quarto, por alguma necessidade extrema, deve usar uma máscara de proteção; Não compartilhe o espaço de refeição com os seus conviventes e, idealmente, use pratos, talheres e copos só seus que deverão ser lavados na máquina da loiça ou com água quente e sabão; Deve utilizar uma casa de banho só sua, não partilhando toalhas ou outros objetos de higiene pessoal. Se tal não for possível, após utilização, desinfete todas as superfícies com que contactou como a sanita, banheira, bidé, lavatórios, torneiras e ralos, como descrito no ponto 7;
3. Proteger quem vive consigo: limite os seus cuidadores a um máximo de 1 pessoa que não seja portadora de alguma doença crónica e/ou imunossupressora; Sempre que tossir ou espirrar tape a boca ou o nariz com um lenço de papel que, a seguir, irá descartar;
4. Não deixar que o visitem em casa: tenha sempre perto de si um telefone / telemóvel, só manuseado por si, para que, sempre que precise, esteja em contacto com a família, amigos, o seu Médico Assistente ou até a emergência médica;
5. Continuar a lavar, regularmente, as mãos com água e sabão, pelo menos durante 20 segundos, secando-as bem no final;
6. Lavar a sua roupa, a roupa da cama ou as toalhas na máquina, na maior temperatura possível, sempre superior a 60o, associando detergente da roupa; Evitar sacudir a roupa;
7. Lavar e desinfetar as superfícies: primeiro com água e detergente, seguido da aplicação de lixívia diluída (1 medida de lixívia para 49 medidas iguais de água). Deixar atuar por 10 minutos, enxaguar apenas com água e deixar secar ao natural;
8. Colocar um caixote do lixo, de abertura não manual, com um saco de plástico, na divisão em que estiver isolado para descartar os resíduos;
9. Monitorizar os seus sintomas: ter sempre um termómetro por perto e medir a temperatura corporal, pelo menos, 2 vezes ao dia, mesmo que não apresente qualquer sintoma; Se surgir o agravamento do seu quadro clínico contacte o seu Médico Assistente, a Linha Saúde 24 (808 24 24 24) ou diretamente o 112, se a gravidade o justificar.
Lembre-se, cuide de Si! Cuide da Sua saúde!
Joana Afonso, Médica Especialista de Medicina Geral e Familiar

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho