Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +

Retomando a vida escolar

#umcafécomdesign

Retomando a vida escolar

Voz às Escolas

2020-09-14 às 06h00

Maria da Graça Moura Maria da Graça Moura

E eis que o ano escolar está à porta! Não poderia falar de outro assunto. Este ocupa os nossos dias, os nossos pensamentos, a nossa imaginação e criatividade, a nossa vontade de organizar ao pormenor cada canto, cada percurso, cada caminho deste lugar que tanta falta nos faz. As escolas existem para que nelas vivam crianças, alunos, professores, assistentes, comunidade, vida e dinamismo. Correrias e risos, ansiedades, descobertas, aprendizagens tais que contribuirão para um mundo cada vez melhor. Um mundo em constante mudança!
Vivemos essa prova de mudança, a prova de que a escola é prioritária para dotar os jovens das ferramentas necessárias, de competências fundamentais, para saberem lidar com todas as incertezas. Estas e as que ainda virão.
No Agrupamento André Soares não se pouparam estudos, debates de ideias, procura de soluções para fazer dele o espaço onde todos se sintam seguros, em comunidade. Onde todos respeitem as regras. Vivemos o momento oportuno para desenvolver, aperfeiçoar nos nossos alunos o essencial para a sua plena formação, o desenvolvimento das competências dos alunos do século XXI.

Amplamente divulgados os planos estratégicos do Agrupamento, em https://www.aeandresoares.pt/ desde o final de julho passado, continham os mesmos a solução para minimizar o risco. Os Jardins de Infância a funcionar em pleno, e as atividades letivas do primeiro ciclo a tempo inteiro. O segundo ciclo, voltando excecionalmente à matriz dos quarenta e cinco minutos, a funcionar presencialmente em toda a sua carga curricular. Mas o terceiro ciclo, com componente mais densa, levou o Conselho Geral a aprovar a lecionação de sete tempos em contra turno em modalidade de projeto a distância. Esta solução possibilitaria a separação de todos os anos na escola sede do agrupamento, uma espécie de cinco escolas num mesmo edifício. Mas tal não foi superiormente aprovado, o que nos dificulta nesta fase a separação total inicialmente organizada.

Foi, assim, necessário reorganizar circuitos. A sala para cada turma não será agora possível totalmente. Procuramos diminuir ao máximo o risco, garantindo a serenidade, a segurança, o bem-estar e a confiança.
Mas é fundamental a ação dos encarregados de educação para que os alunos compreendam e respeitem, sem exceção, sem falhas, todos os percursos, para que não ultrapassem os espaços a cada território destinados. Desde os mais pequeninos é essencial a responsabilização. A partir dos dez anos o uso da máscara não pode falhar, não pode esquecer, não pode aborrecer. Mais do que nunca a parceria escola/família é fundamental para uma vida saudável, para conseguirmos vencer as dificuldades, os receios, para mantermos a escola em funcionamento pleno.
E é ainda fundamental o reforço de assistentes operacionais nas escolas do Agrupamento. São recursos imprescindíveis para manter o equilíbrio, cruciais para promover a confiança e os procedimentos essenciais, em colaboração com toda a restante comunidade escolar.

Não há lugar a outra solução. Tudo deverá ser feito para vencermos este tempo incerto. As famílias podem contar com todo o nosso empenho, com toda a nossa força e dinamismo para revitalizar a escola. Professores, assistentes e todos os colaboradores construirão um lugar seguro todos os dias, com a ajuda de toda a comunidade!
Neste início de um setembro ainda de verão, quero deixar-vos uma mensagem de confiança, tranquilidade e esperança.
Um bom ano 2020/2021!

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Escolas

23 Setembro 2020

“As bolhas” de Cidadania

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho