Correio do Minho

Braga, sábado

Portos do Norte de Portugal com resultados históricos

Investir em obrigações: o que devo saber?

Ideias

2018-01-25 às 06h00

Paulo Monteiro


Os Portos de Viana do Castelo e de Leixões obtiveram, em 2017, resultados históricos, seguindo os indicativos económicos positivos do nosso país. Ambos pertencem à APDL (Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo) e têm-se pautado por uma politica de investimentos correcta e que tem projectado os ‘seus’ portos. Aliás, ainda no decorrer de 2017, a direcção do porto de Viana do Castelo esteve na Associação Industrial do Minho, em Braga, numa reunião com empresários onde mostrou - e debateu com estes - o seu futuro e aquilo que tinha (e tem) para oferecer. Foi um contacto excelente já que até então muitos não conheciam a sua história e o seu trabalho. Na altura os indicadores foram muito positivos e agora são demonstrados por estes resultados excelentes.
O movimento de mercadorias do Porto de Viana do Castelo teve, em 2017, cerca de 415 mil toneladas de carga transportada, o que significa um aumento de 6% em relação ao ano anterior o que originou uma retoma da rota de crescimento. As exportações, segundo informações da APDL, representam cerca de 82% do movimento global do porto, um crescimento de 5%. De Janeiro a Dezembro de 2017, Viana do Castelo registou uma média de cerca de 35 mil toneladas de mercadorias transportadas por mês, com o equipamento eólico, o papel, o caulino e o asfalto a destacarem-se como as principais cargas movimentadas.
Num patamar bem diferente, também o Porto de Leixões registou um aumento de 8% face a 2016, tendo sido transportadas 19,5 milhões de toneladas de carga.
Os nossos portos estão no bom caminho e são, também, bons indicadores da evolução da nossa economia...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.