Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +

ODS: juntos mudamos o mundo

Amanhã vamos falar da Europa e da Eurorregião

ODS: juntos mudamos o mundo

Voz às Bibliotecas

2019-11-07 às 06h00

Carla Araújo Carla Araújo

Assumindo o tema dos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável como uma estratégia de posicionamento da nossa Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, a nível local e não só, tive a oportunidade de participar no 15.º Encontro da Rede Nacional de Bibliotecas Públicas, subordinado ao tema “25 anos do Manifesto da UNESCO: serviços, comunidades e literacias: ainda precisamos de bibliotecas?” que se realizou nos passados dias 4 e 5 de novembro, no Teatro Miguel Franco, em Leiria.

Ora, integrados no programa do encontro realizaram-se dois painéis dedicados a apresentações breves de projetos relevantes das bibliotecas da Rede Nacional de Bibliotecas Públicas, como uma espécie de “montra” do que de melhor se faz no país. Para esse efeito, fui convidada pela organização a apresentar publicamente o projeto intitulado “ODS: juntos mudamos o mundo”, da responsabilidade da nossa Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco. Os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, aprovados na Cimeira das Nações Unidas em setembro de 2015, são uma agenda ambiciosa com a qual todos os países e cidadãos deverão estar comprometidos no desenvolvimento e implementação de medidas para atingir os ODS o mais plenamente possível. As Bibliotecas são, por excelência, instituições indispensáveis para o efetivo alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, uma vez que através do acesso democrático e generalizado à informação e ao conhecimento permitem às pessoas a tomada de decisões consciente e, consequente- mente, permitem-lhes melhorar as suas vidas.
Comunidades que têm acesso a informações relevantes, oportunas e atualizadas são, certamente, melhores posicionadas para erradicar a pobreza e a desigualdade, proporcionar educação de qualidade, promover a saúde, a cultura, a investigação e a inovação.

Se os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável são universais, cada país e cada cidadão será responsável pelo desenvolvimento e implementação de medidas para os atingir o mais plenamente possível. Ora, enquanto instituição pública, a Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, de Vila Nova de Famalicão, compromete-se, também, em contribuir para o efetivo alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável.
Assim, e já para o presente ano letivo, apresentamos no nosso plano de atividades a iniciativa “ODS: Juntos mudamos o mundo”, a qual tem como principal objetivo dar a conhecer à comunidade geral, e em particular ao público escolar, os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

De acordo com a UNICEF, “a concretização dos ODS dependerá não apenas do compromisso dos governos, mas também do envolvimento dos cidadãos. As crianças e os jovens são centrais neste apelo global de participação e a escola é essencial para dar a conhecer a nova agenda global, inspirar e incentivar as pessoas a participarem no desenvolvimento das comunidades.”
Assim, para o público do pré-escolar e do 1.º CEB serão realizadas sessões de conto intituladas “Contos que mudam o mundo” onde o principal recurso será o simbolismo transmitido pelos contos da literatura infantojuvenil para a perceção e compreensão dos ODS junto dos mais pequenos.

Para os alunos do 2.º e 3.º CEB será lançado o concurso de escrita criativa “tODoS por um mundo melhor”, cujo propósito final será a criação de uma coleção de contos interativos digitais dedicados à temática dos ODS.
Por último, para o público do ensino secundário e para o público geral serão organizadas, através da Antena de Informação Europeia de Vila Nova de Famalicão, ações informativas sobre os ODS, nomeadamente, mesas redondas, conferências, debates, campanhas de sensibilização, concursos de ideias, entre outras. A mobilização e o comprometimento, quer seja individualmente ao nível de cada cidadão ou quer seja generalizadamente ao nível das instituições, será a chave para efetivamente transformar esta visão em realidade e confirmar o lema da ONU para a Agenda 2030: “Não deixar ninguém para trás”.

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Bibliotecas

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.