Correio do Minho

Braga,

- +

O nosso património

A manifestação dos esfomeados em Braga

O nosso património

Escreve quem sabe

2022-05-31 às 06h00

Margarida Pereira Margarida Pereira

No próximo mês de Julho, a JovemCoop, em parceria com a Junta de Freguesia de São Victor, dá início à décima oitava edição de “O Nosso Património”.
Entre os dias 4 e 15 de Julho, de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 12h30 iremos percorrer alguns dos locais mais emblemáticos da nossa cidade, em geral, e da Freguesia de São Victor, em particular. Apesar de ser um campo de férias que envolve inúmeras visitas, o local de trabalho será no Parque de Guadalupe, e a participação na atividade é totalmente gratuita, mas limitada às vagas disponíveis.
“O Nosso Património” é considerado o ex-libris da JovemCoop! Hoje, estamos orgulhosos de planear a XVIII edição. São dezoito anos de atividade, o que se traduz em centenas de participantes, dezenas de monitores e inúmeros parceiros de atividades. Ao longo dos anos, fomos adaptando este campo de trabalho, tentando sempre inovar e superar os novos desafios que vão surgindo.
Os participantes das primeiras edições são hoje jovens adultos que têm uma maior consciência da valorização e da preservação do património. Acima de tudo, aprenderam a valorizar a nossa cidade e a serem cidadãos ativos e participativos. Nesta atividade tentamos sempre dar a conhecer um pouco da nossa cidade de Braga, visitando alguns dos seus museus e locais mais emblemáticos, desde o Museu D. Diogo de Sousa, o Museu dos Biscainhos, passando pela Sé de Braga, a Igreja de São Victor, as Sete Fontes, entre outros.
Contudo, tentamos, também, proporcionar visitas a locais que nem sempre são de fácil acesso, como a Capela das Convertidas que habitualmente se encontra encerrada, e também a locais que nos mostram um património mais contemporâneo, como a Capela Imaculada. Ao longo de vários anos, demos, também, destaque ao património desaparecido, de forma a valorizar a salvaguarda do património e demonstrar a importância de todos termos um papel de cidadania ativa e de intervenção na vida política da cidade. Desta forma, recordamos, por exemplo, a época industrial da cidade, mostrando a impor- tância de preservarmos a Fábrica Confiança, para que esta época não seja apenas a memória de alguns e se vá perdendo ao longo dos tempos como aconteceu com a Fábrica Taxa ou a Social Bracarense.
O contacto com a natureza é, ainda, um dos pilares de “O Nosso Património”. Infelizmente devido às condições de saúde atuais, tivemos de adiar o nosso tradicional acampamento. Ocorria sempre numa freguesia da periferia da cidade, de forma a mostrar locais que estando tão perto, são desconhecidos de muitos, como é o caso dos Moinhos de Portuguediz, na Freguesia de Sobreposta. Apesar de ainda não ser possível realizar o acampamento, apostamos sempre em realizar um trilho pela natureza, como os passadiços do Sistelo, ou os passadiços do rio Minho. Deste modo, despertamos os mais novos para o prazer das atividades ao ar livre, afastando-os um pouco do mundo tecnológico.
Um dos desafios que sentimos ao longo dos anos é a necessidade de combater o isolamento dos jovens, que vão mostrando cada vez mais dificuldade em se integrarem em ambientes novos. Tentamos sempre promover o espírito de equipa e a comunicação entre eles, pois sabemos que de um modo não formal também estamos a educar e a desenvolver os futuros adultos.
A prova de que temos uma atividade de sucesso é o regresso dos participantes nos anos seguintes e a vontade de chegarem a monitores.
Ser monitor é também um desafio que nos ajuda, muitas vezes, a desenvolver competências para o mundo laboral que nos espera. Somos desafiados a lidar com várias pessoas, com diversas personalidades, mas, também, a conhecer novos locais, a desenhar as atividades e fazer as apresentações necessárias. Para muitos monitores, é a primeira experiência que podem colocar no seu curriculum, enriquecendo-o antes de iniciar a vida profissional.
“O Nosso Património” para nós, vai muito além de um campo de férias, é um momento em que trabalhamos consciências e desenvolvemos personalidades, mostrando o que realmente importa! As inscrições estarão disponíveis a partir do dia 06 de Junho e podem ser feitas online pelo blog ou facebook da JovemCoop.

Deixa o teu comentário

Últimas Escreve quem sabe

05 Fevereiro 2023

Lógica ou acaso

04 Fevereiro 2023

Anti-Inteligência Artificial

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho