Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Jump box - Centro de Alto Rendimento para empreendedores

Um dia a escola muda – eu acredito!

Escreve quem sabe

2016-03-20 às 06h00

Manuel Barros

O Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, Dr. João Meneses, presidiu à inauguração da Jump Box - Centro de Alto Rendimento para Empreendedores, instalado na incubadora do IET - Instituto Empresarial do Tâmega, em Amarante. Um projeto implementado com base num protocolo entre o IPDJ através da Direção Regional do Norte, a Câmara Municipal de Amarante e o IET, que foi assinado e homologado, pelos parceiros.
Este protocolo para promover o apoio a iniciativas de carácter empreendedor, que visem o desenvolvimento socioeconómico, a fixação dos empreendedores e de empresas no Concelho de Amarante e na NUT III Tâmega e Sousa, alargado numa fase posterior, a toda a região Norte. Uma dinâmica a ser implementada para promover a utilização de recursos disponíveis, numa perspectiva de racionalização e otimização de meios humanos e de equipamentos.
Um conceito que está alinhado com o objeto e estratégia do IET, que visa criar condições para alavancar as ações planeadas para os próximos anos, implementado com a sabedoria do Plano de Empreendedorismo Tecnológico, construído a partir da “proximidade inteligente” com o território de referência, com o propósito de implementar ações inovadoras, e a ambição de alcançar resultados relevantes no âmbito da promoção do empreendedorismo e do apoio a empresas e empreendedores.
Resulta de um processo de aprendizagem, e de um apurado diagnóstico sobre as oportunidades de intervenção do IET, suportado nas relações criadas, nos resultados atingidos e nas oportunidades que ainda não foram exploradas na sua plenitude. Pretendendo assim, contribuir de forma marcante para reduzir as assimetrias regionais de desenvolvimento económico, de acordo com o diagnóstico efetuado e o alinhamento com as prioridades públicas, no quadro do Norte 2020.
Esta Jump Box - Centro de Alto Rendimento para Empreendedor é uma resposta, que pretende oferecer um espaço alternativo a este cenário, nomeadamente um espaço onde os jovens possam ocupar e investir o seu tempo, na procura de oportunidades de emprego. Proporcionando o contacto com o universo da incubação, a promoção do seu talento, o contacto com o mercado e a possibilidade de arranque do próprio negócio, através de um diversificado leque de ações: Open Day do Empreendedorismo; Hacker Club; Rede de Facilitadores do IET; Dá Gás ao teu Negócio no IET; Investor Readiness Arenas.
Um dinamismo assente na ligação com as escolas de ensino básico, para promover e estimular o espírito empreendedor, com as escolas de ensino secundário e profissional, despertando para a importância da atitude empreendedora e para as vantagens de uma opção profissional empresarial. Criação, capacitação e dinamização de rede de mentoring e coaching para empreendedores, no contexto da valorização da aceleração, da implementação e do desenvolvimento de competências de negócio, e do contacto com o mercado.
Um Processo de acolhimento e capacitação destinado a jovens, em ambiente de incubação, para apoiar o desenvolvimento de soft skills e de hard skills, contacto com empresários, empresa e profissionais de diferentes sectores de atividade, e entidades do sistema científico e tecnológico. Implicando um ciclo desenvolvido em 3 etapas fundamentais, de capacitar talentos empresariais, de valorizar e desenvolver competências de negócios e de acelerar a implementação e o contacto com o mercado
A Jump Box assenta o seu quadro estratégico na promoção do emprego jovem, na criação de empresas e fixação de jovens no território, bem como atracão de recursos humanos qualificado e combate à interioridade. Na aproximação de empreendedores e investidores de capital e risco e outros mecanismos de financiamento de startups, como é o caso do crowdfunding. Um ideário validado por todas as entidades públicas e privadas que intervêm diretamente na atividade do IET, seja pela participação no fundo associativo, seja pela presença regular e colaboração com as diversas atividades, que esta instituição desenvolve no território.
Este projeto, é um excelente exercício de envolvimento, de um vasto leque de parceiros públicos e privados, Município de Amarante; Universidades do Porto e de Trás-os-Montes e Alto Douro, Instituto Politécnico de Bragança, Instituto Politécnico do Porto, a que se juntou o Instituto Português do Desporto e Juventude, através deste protocolo tem em vista o fomento e o apoio a iniciativas de empreendedorismo jovem.
Uma boa prática, que aplica o conceito do alto rendimento desportivo ao empreendedorismo, que ambicionamos ver alargada a toda a região, tal como manifestamos aos promotores desta marca. A este respeito, Prof. Manuel Sérgio defende que a superação é o sentido do desporto e da própria vida, porque “a pessoa humana não nasce feita, mas apta a desenvolver e a desenvolver-se”.

Deixa o teu comentário

Últimas Escreve quem sabe

16 Junho 2019

Verbos defetivos

16 Junho 2019

O silêncio não erra

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.