Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +

Hora de incluir... de verdade

Não somos um Rio

Hora de incluir... de verdade

Voz às Escolas

2021-10-11 às 06h00

Maria da Graça Moura Maria da Graça Moura

O Programa do XXI Governo Constitucional estabelece como uma das prioridades da ação governativa a aposta numa escola inclusiva onde todos e cada um dos alunos, independentemente da sua situação pessoal e social, encontram respostas que lhes possibilitam a aquisição de um nível de educação e formação facilitadoras da sua plena inclusão social. Esta prioridade política vem concretizar o direito de cada aluno a uma educação inclusiva que responda às suas potencialidades, expectativas e necessidades no âmbito de um projeto educativo comum e plural que proporcione a todos a participação e o sentido de pertença em efetivas condições de equidade, contribuindo assim, decisivamente, para maiores níveis de coesão social (Decreto-Lei n.º 54/2018, de 6 de julho).
É conhecido o lugar de excelência na promoção da aquisição de competências sociais, o lugar onde há espaço para compreender, onde todos os envolvidos têm a função nobre de integrar, envolver, implicar, compreender,… Falamos da escola, dos professores, dos assistentes operacionais, e da colaboração das entidades parceiras, das autarquias,…

Através de diferentes procedimentos, estratégias e metodologias, de processos de diferenciação pedagógica, de acomodações curriculares, adaptações curriculares significativas e não significativas, …, planos individuais de transição, planos de saúde individuais, programas educativos individuais,… uma série de documentações concluídas após intermináveis reuniões, importa o fundamental – o envolvimento, a entrega e o empenho de todos os atores educativos.
Tudo está amplamente legislado, orientado, com as mais variadas soluções para a integração plena de todos os alunos. Muitos com reduzida autonomia ou sem autonomia, competindo à escola e aos seus profissionais um acompanhamento constante, atento. Um acompanhamento que se pretende seja intencionalmente promotor de desenvolvimento na medida das potencialidades de cada um, que seja de integração, que seja dignificante, respeitador da diferença, cabendo a cada profissional a privilegiada ação de, passo a passo, ajudar a subir os degraus (os degraus de uma escada devem ter tamanhos que permitam um caminhar confortável e seguro). Grande missão a de entender a diferença e promover no seio da vida escolar a pedagogia global de integração!

Aprendemos nestes últimos tempos, mais conscientemente, o nível da fragilidade humana, a necessidade de ser melhor a cada dia, de mudar o rumo, desenvolvendo competências de superação dessas mesmas fragilidades. A escola, inadiavelmente, deve partilhar estes ensinamentos.
É hora de acreditarmos que os degraus de cada escada são diferentes ao olhar e condição de cada um. É hora da diferença, compreendendo-a e tratando-a com a sensibilidade única do professor, do assistente operacional, de todos os responsáveis pela formação dos alunos, especialmente neste tempo tão singular. É hora de envolver toda a comunidade, estabelecendo parcerias que capacitem a escola, disponibilizando melhores condições para o desenvolvimento de atividades curriculares e outras, que mobilizem áreas diversificadas, indo assim ao encontro de todos.
A escola é hoje, sem dúvida, o local de superação de tantas fragilidades sociais! É o local onde é possível transformar vidas e os atores educativos são pessoas privilegiadas. Têm, em mãos, a possibilidade de inspirar, de mudar trilhos de vida!
Só precisam de acreditar!

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Escolas

18 Outubro 2021

Mentores

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho