Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Guterres apela à ajuda aos refugiados

Sem Confiança perde-se a credibilidade

Ideias

2017-05-18 às 06h00

Paulo Monteiro

António Guterres, secretário-geral da Organização das Nações Unidas, esteve ontem em Estrasburgo a apelar à União Europeia para que mantenha bem firme o seu compromisso de ajuda aos refugiados, num processo de parceria com a ONU.
Aliás, se há zona no globo onde essa solidariedade é bem visível é na União Europeia.
Apesar das relações cada vez piores com a Turquia, a União Europeia mantém o compromisso de a ajudar para que esta dê o apoio necessário aos cerca de dois milhões de refugiados sírios que se encontram espalhados (e não só) pelos campos de refugiados construídos em solo turco. Para isso, o Governo de Ankara já recebeu perto de três mil milhões de euros para ajudar os refugiados, mas muitas vezes vem com a ameaça de abrir as fronteira e deixar passar os refugiados. E agora mais do que nunca perante as ameaças de Erdogan. Entretanto, o compromisso entre Europa e Turquia chega aos seis mil milhões de euros até ao final de 2018. Este é um exemplo de que a União Europeia se preocupa com a questão dos refugiados... mais do que qualquer outro país no Mundo.
Mas o mais importante - e foi isso que, no fundo, António Guterres foi dizer - é resolver os conflitos em todo o mundo para criar condições para que os refugiados fiquem nos seus países ou lá regressem.
E só estamos a falar daqueles que fogem para a Europa através da Turquia. E aqueles que vêm de África e arriscam a vida e onde muitos morrem? É sem dúvida um problema que tem de ser resolvido e com a maior urgência possível e enquanto não chegam aqueles que fogem dos seus países por outras razões, como as questões climáticas...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.