Correio do Minho

Braga, sábado

- +

Finalmente!

A sabedoria do cuidar no Alzheimer

Finalmente!

Ideias

2019-07-08 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

“Estas árvores são minhas amigas há vinte e sete anos. Vim hoje aqui despedir-me delas: creio que para sempre me despeço.
Tenho que abraçar as mais diletas e confidentes: umas que já eram velhas quando, em minha infância, as vi; outras, que eram tenras então, e agora bracejam frondes de luxuriante mocidade. Eu já encaneci; e elas verdejam exuberantes de seiva. Faço trinta e oito anos, inclinado à sepultura; e elas têm três séculos que viver, trezentas primaveras para se vestirem de galas novas. Meus netos virão saborear-se em vossas sombras, ó carvalheiras, ó verdes pavilhões que me cobristes nas máximas tristezas e alegrias de minha vida!”
Estas palavras fazem parte do livro de Camilo Castelo Branco, ‘No Bom Jesus do Monte’, escrito em 1864. Camilo e Bom Jesus têm para mim um casamento perfeito e são únicos, nas minhas leituras e nas minhas visitas...
Por isso nada melhor do que dar os parabéns a todos aquele que tornaram possível que deste ontem o Santuário do Bom Jesus de Braga fosse considerado Património Cultural Mundial da UNESCO. Ontem os elogios surgiram de todos os lados, os parabéns eram dados segundo a segundo. Braga merece. Os bracarenses merecem. “Sendo um dos ícones do Portugal católico, o Bom Jesus é também um ex-libris da cidade de Braga, cidade milenar, anterior à nacionalidade, cidade romana, portuguesa e universal”. As palavras são de Marcelo Rebelo de Sousa e faço delas minhas. É uma excelente homenagem. Parabéns Braga!

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

21 Setembro 2019

Emergência Climática

21 Setembro 2019

A Nova Comissão Europeia

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.