Correio do Minho

Braga,

Faróis abertos e gratuitos

Consumidores mais habilitados a comparar comissões bancárias a partir de 1 de outubro

Ideias

2018-05-11 às 06h00

Paulo Monteiro

O Minho tem dois faróis. Mas só um está aberto ao público e, entre amanhã e 20 de Maio, podemos fazer uma visita gratuita no âmbito das comemorações do Dia da Marinha. Falo naturalmente do Farol de Montedor, que se situa a oito quilómetros a norte de Viana do Castelo e do qual já falei no início do ano a propósito das visitas aos faróis portugueses e de estes se tornarem moda. Este farol recebeu, em 2017, a visita de 2301 pessoas. Entrou em funcionamento em 1910, tem 28 metros de altura e... merece uma visita, tanto mais que, nos próximos nove dias, pode ser feita gratuitamente, entre as 14 e as 17 horas.

O ano passado foram cerca de 74 mil pessoas que visitaram os 28 faróis abertos ao público em Portugal, se bem que em todo o país existem 53 faróis (30 no Continente, 16 nos Açores e sete na Madeira). No Minho, para além do Farol de Montedor existe o Farol de Esposende, mas que se encontra fechado ao público. Entrou em funcionamento a 10 de Abril de 1925, tem 15 metros de altura e tem como característica um sinal sonoro que está activo desde 1996 e que é sobejamente conhecido para quem visita aquela zona. Em 2003, ficou sem faroleiros e passou a estar a cargo do Farol de Montedor.

Todos os nossos faróis têm a sua história e merecem a sua visita e por isso é bom aproveitar estes dias para o fazer. Um conselho: uma visita ao Farol de Leça, que também não fica assim tão longe. Aliás, toda a história da Península Ibérica, banhada pelo Oceano Atlântico, está repleta de histórias de faroleiros e de faróis. Portugal e a Galiza têm muitas lendas e histórias. E que digam, por exemplo, os nossos amigos galegos em relação à Costa da Morte, onde são dezenas e dezenas de faróis com tanto para contar. Esta também pode ser uma viagem a fazer um dia...

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.