Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +

Dia Mundial da Energia

O maior desafio dos 50 anos de Democracia

Ideias

2010-05-26 às 06h00

Paulo Machado Paulo Machado

Assinala-se no dia 29 de Maio, o Dia Mundial da Energia. Este dia foi criado para sensibilizar as pessoas e os líderes mundiais para a necessidade de poupança de energia e para a promoção das energias renováveis, mais amigas do ambiente, em substituição das energias fósseis altamente poluentes e prejudiciais para a própria Vida na Terra.

A energia, nas suas diferentes formas e aplicações é, actualmente, um factor importantíssimo no desenvolvimento econó-mico e social. Como sabemos, por vezes felizmente, por vezes infelizmente, quase tudo o que acontece ao nosso redor depende da energia.

A utilização e a produção de energia liberta gases com efeito de estufa, pelo que é imperiosa a adopção de uma política energética eficaz para a Europa, com vista ao aprovisionamento energético competitivo, sustentável e seguro, articulado com boas práticas ambientais que reduzam as emissões.
Uma política energética eficaz deve ter em conta elementos como:
- Mercados de electricidade e gás mais eficientes;
- Um Estado mais regulador que não permita muitas das aberrações que ocorrem no nosso país, derivadas do monopólio existente;
- Diversificação energética;
- Uma política ambiciosa em matéria de energias renováveis;
- Um comportamento energético inteligente;
- Cooperação internacional.

Quando pensamos em poupança energética, achamos que cada pessoa, individualmente, não poderá fazer a diferença. No entanto, grande parte da energia é consumida em ambiente doméstico. Se todos contribuíssem para a poupança ambiental, poderia significar uma grande mudança.
Para que possa reflectir sobre esta problemática deixo aqui algumas curiosidades. Sabia que…
... o consumo mundial de energia duplicará daqui a 50 anos?
... os agregados familiares utilizam 1/3 da energia consumida na UE, sendo responsáveis por cerca de 20% das emissões de CO2 ligadas à energia?
... 70% da energia utilizada pelos agregados familiares é consumida no aquecimento da casa, 14% no aquecimento de água e 12% em iluminação e electro-domésticos?
... cerca de 90% da energia consumida por lâmpadas incandescentes é transformada em calor e apenas 10% produz luz?
... uma parte considerável do consumo de energia ocorre no modo standby activo?
... uma televisão média típica consome 100 watt de electricidade quando está ligada e, em média, 5 watt quando está em standby?

Qualquer pessoa poderá então melhorar o Ambiente e, simultaneamente reduzir a conta de electricidade, se colocar em prática algumas dicas simples, mas que no global poderão fazer a diferença.
Tente usar a máquina de lavar loiça a uma temperatura máxima de 55 ºC e sempre na carga máxima (a maior parte da energia é gasta para aquecer a água e não durante o seu funcionamento).
Mantenha a porta do frigorífico fechada (o frigorífico é, por si só, o electrodoméstico de cozinha que mais energia consome e abrir a sua porta representa entre 21€ e 43€ da conta de electricidade de uma família normal).

Lave a roupa na máquina a temperaturas mais baixas e evite utilizar a máquina de secar roupa.
Mantenha o termostato 2 ºC acima no Verão e 2 ºC abaixo no Inverno, poupará cerca de 10% da energia necessária ao aquecimento/arrefecimento da sua casa.
Corra as cortinas/estores no Verão e abra no Inverno, para reduzir as necessidades de arrefecimento/aquecimento.

Utilize um tacho do tamanho certo no bico/disco do fogão. Poderá poupar cerca de 26€ numa placa eléctrica e 13€ numa placa a gás.
Mas existem também outras formas de poupar energia em sua casa, para além das ligadas às temperaturas.
Desligue os aparelhos no botão, não os deixe em standby.

Compre aparelhos com classificação Energy Star, que sejam eficientes energeticamente.
Desligue as luzes sempre que abandona uma divisão.
Compre candeeiros e coloque-os em pontos estratégicos nos quais passa mais tempo, evitando ter a totalidade das lâmpadas ligadas.

Compre lâmpadas económicas, são mais caras mas duram mais tempo e são mais eficientes energeticamente.
Todas estas acções são hábitos saudáveis que pode introduzir na sua rotina. Experimente, vai ver que poupa dinheiro e, acima de tudo, o Ambiente.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho