Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +

Cuidado com os brinquedos chineses...

Faça frente à Diabetes

Cuidado com os brinquedos chineses...

Ideias

2019-12-02 às 06h00

Paulo Monteiro Paulo Monteiro

O Natal está à porta e nos próximos dias muitos de nós vamos fazer as nossas compras de Natal. Vamos oferecer prendas aos mais pequenos mas... há cuidados a ter. Na semana passada foi conhecido um relatório da responsabilidade do Gabinete Europeu do Ambiente que referiu que os países da União Europeia estão a ser inundados por brinquedos tóxicos, a maioria de plástico e com origem na China, que estão a ameaçar a saúde das crianças. O relatório agora divulgado, e a que a Lusa teve acesso, é da responsabilidade do Gabinete Europeu do Ambiente, uma rede europeia de cerca de 150 organizações não-governamentais de ambiente, de mais de 30 países. É referido inclusivamente que foram encontradas contaminações perigosas por ftalatos (composto químico para deixar plástico mais maleável e considerado cancerígeno) em crianças em 13 de 15 países analisados.

Segundo os números divulgados pela organização, só este ano as autoridades nacionais bloquearam a venda de 248 modelos de brinquedos, por revelarem em testes níveis ilegais de produtos químicos tóxicos. Destes, 228 (92%) foram catalogados como de “risco grave”, 219 (88%) vinham da China, e 127 (51%) estavam contaminados com ftalatos. O Gabinete Europeu do Ambiente lembra que já foi feito um grande estudo em vários países da União Europeia, um deles Portugal, envolvendo crianças dos 6 aos 11 anos e as suas mães e analisando a exposição a vários produtos. Foram encontradas na altura, em quase todos os países, crianças conta- minadas por ftalatos, em média o dobro das mães, mas também houve níveis de contaminação que chegaram a 12 vezes mais do que as respectivas mães. Por isso o aviso aqui fica: muito cuidado com os brinquedos. As crianças agradecem!

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

10 Dezembro 2019

Regionalizarão?

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.