Correio do Minho

Braga, quarta-feira

Cuidado com a coluna

Prémio Nobel da Medicina

Ideias

2017-10-20 às 06h00

Paulo Monteiro

Na segunda-feira assinalou--se o Dia Mundial da Coluna e a Sociedade Portuguesa de Patologia da Coluna Vertebral, a Sociedade Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia e a Sociedade Portuguesa de Neurocirurgia divulgaram um estudo sobre as cirurgias realizadas à coluna em Portugal nos hospitais do Serviço Nacional de Saúde e concluiram que mais de metade dos portugueses operados à coluna estão em idade activa.
O estudo indica que 52% dos portugueses operados são indivíduos em idade activa e a maioria são mulheres (55%).
Segundo o mesmo estudo ficou comprovado que o principal alvo das cirurgias à coluna não é à população mais idosa mas sim a população em idade activa. Segundo o presidente da Sociedade Portuguesa de Neurocirurgia, Paulo Pereira, quando existem problemas de coluna, a cirurgia acaba por resolver muitas vezes o problema e promover uma recupe- ração mais rápida e a resolução do seu problema inicial. Caso contrário provoca visitas frequentes aos hospitais, absentismo laboral e até reformas antecipadas, com grandes implicações na saúde...
De facto os portugueses têm maus hábitos e tratam muito mal a sua coluna.
Temos de ter posturas correctas ao sentar, ao andar, ao baixar.. tudo regras básicas e que nos são ensinadas todos os dias, desde que nascemos.
Mas há mais: quem não se lembra de, ainda pequenino, receber recados dos pais ou dos professores a dizer... “endireita as costas”, “senta-te direito”, “não te deites todo torto”... Lembram-se?
Pois são esses recados e esses avisos que devemos escutar porque, se não os escutarmos, mais tarde, ou mais cedo, vamos arrepender-nos disso...
Começam os problemas que podiam ter sido evitados há muitos anos atrás.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.