Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Comemorações dos 60 anos do edifício ESCA

Como sonhar um negócio

Voz às Escolas

2018-03-19 às 06h00

Hortense Lopes dos Santos

O edifício emblemático da Escola Secundária Carlos Amarante (ESCA) foi inaugurado a 18 de Maio de 1958.
Este ano preparamos as comemorações dos seus 60 anos com diversos eventos ao longo do ano, culminando no próximo dia 18 de Maio.
A história da ESCA começou muito antes da inauguração do seu edifício/sede. Lembramos que é uma instituição de ensino centenária que passou por instalações e designações noutros locais da nossa cidade até à construção deste edifício, cujo se manteve até à atualidade, apesar de algumas intervenções, nomeadamente a mais recente - a requalificação pela empresa Parque Escolar.
Estas comemorações envolvem toda a comunidade educativa, a atual e das gerações que têm passado por cá, seja como local de trabalho, seja como local de formação.

Ao longo do ano, em quatro momentos diferentes, é de destacar:
- 22 de Janeiro, comemoramos o nosso agrupamento com uma exposição sobre a inauguração da escola em 1958, uma mostra da responsabilidade da Associação de Antigos Alunos da Escola Industrial e Comercial de Braga (AAAEICB) e da palestra Cem anos de histórias - da Escola de Desenho Industrial à Escola Secundária Carlos Amarante, proferida pelo nosso professor, Domingos Araújo.
- 16 de março, no auditória da ESCA, a partir das 16 horas, o arquiteto Carlos Prata, professor auxiliar da FAUP, falou sobre a remodelação da Escola Secundária Carlos Amarante/história de um projeto/obra. Pelas 17 horas, um painel moderado por Eusébio Fertuzinhos (AECA) e constituído por Carlos Oliveira, presidente do CA da InvestBraga, Luís Saraiva, secretário-geral da AICCOPN (Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas), António da Silva Fernandes, administrador da CASAIS - Engenharia e Construção, S.A, Agostinho Martins, antigo professor do 3º grupo (Construção Civil) da ESCA, Rui Vieira (arquiteto), antigo aluno de Artes Visuais discutiu o tema Passado, presente e futuro da formação na área da construção civil .
Na sala do aluno foi aberta a exposição A Escola Secundária Carlos Amarante: da origem à atualidade.
- 13 de abril, com moderação de José António Martin Moreno Afonso (Instituto de Educação -UM) Luís Alberto Marques Alves, professor associado da FLUP, abordará o tema Reforma do Ensino Técnico-Profissional, seguindo-se, pelas 17 horas, com moderação de José Figueiredo (ESCA), um painel sobre as qualificações profissionalizantes na escola, com intervenções de Natália Costa (Grupo MOVICASA, Braga), António Mota Gonçalves, antigo aluno da escola técnica e AAAEICB, André Filipe Cardoso Soares, aluno do 12º ano do curso profissional de Técnico de Eletrotecnia, Manuel Gonçalves e Eusébio Fertusinhos do AECA.
Na Bibiliteca Escolar da ESCA será inaugurada uma exposição sobre o trabalho escolar na Escola Industrial e Comercial de Braga.
- 18 de maio, dia de encerramento das comemorações, começa com uma tertúlia no ginásio da ESCA moderada por Cláudio Silva, presidente da AAAEICB intitulada Relembra-te e conta-nos como foi. Claudina Lurdes Gomes de Freitas, do Curso de Formação Feminina e Admissão ao Magistério, Maria Júlia Sá Vilela Ferreira, do Curso Geral de Comércio, Manuel de Jesus Miranda Gomes, do Curso Complementar de Aprendizagem de Serralheiro, Germano Pinheiro de Sousa, do Curso de Montador Eletricista e João Paulo de Oliveira Martins, do Curso de Formação de Carpinteiro Marceneiro e Manuel Pereira Lopes do Curso de Construção Civil contar-nos-ão as suas experiências enquanto alunos da antiga escola.
No painel A educação no futuro discute-se aqui, ouviremos Ana Cláudia Valente, vogal do conselho diretivo da ANQEP, José Augusto Pacheco, presidente do Instituto de Educação da Universidade do Minho, Gualter Campinho, diretor do Centro de Formação Sá de Miranda, Adelina Moura, professora do AECA, António Leite, Delegado Regional do Norte do IEFP.
Na sessão de encerramento, que conta com a presença confirmada do Presidente do Município, Ricardo Rio e do Senhor Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues (a confirmar), Senhorinha Teixeira (AAACICB/UM) apresentará as conclusões desta jornada de comemorações dos 60 anos do edifício da ESCA, após o que será descerrada uma lápide alusiva ao evento.
Os últimos 18 anos na escola serão objeto de exposição fotográfica na Biblioteca Escolar da ESCA.
Agradecemos a todos os que, por qualquer forma, nos ajudaram a levar por diante esta comemoração, momento particular de lembrança, reflexão e projeção futura do ensino aprendizagem deste agrupamento de escolas.

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Escolas

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.