Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Combate ao terrorismo

Diplomas em tempo de 130.º aniversário

Ideias

2016-12-22 às 06h00

Paulo Monteiro

Os Estados-Membros da União Europeia alcançaram ontem um acordo para reforçar normas contra o terrorismo. Uma posição que surge depois de mais um atentado terrorista perpetrado pelo Estado Islâmico (grupo extremista Daesh) e que provocou 12 mortos e 48 feridos em pleno centro de Berlim, na Alemanha. Torna-se mais do que urgente a União Europeia pensar seriamente no reforço da sua segurança e repensar definitivamente numa força militar conjunta, tanto mais que não sabemos ainda como irão ser as novas directrizes dos Estados Unidos em relação à NATO, na era Donald Trump.

E o atentado desta semana em Berlim mostra mais uma vez que não é inocente e tem como objectivo provocar medo aos alemães. A Alemanha foi o país da União Europeia que recebeu mais refugiados e essa tem sido uma das lutas da chanceler Angela Merkel e que luta, também, contra criticas constantes que recebe de várias forças políticas do seu país. Mas continua sólida e forte no seu propósito e no exemplo que dá ao mundo ao receber refugiados de guerra, em especial da Síria.

E, mais uma vez, repito: os atentados não são inocentes. A Alemanha prepara-se para entrar num ano eleitoral (2017). Numa altura em que os extremismos a a xenofobia têm aumentado na Europa a provocação e o instalar do medo pode sempre querer dizer alguma coisa na hora das decisões, ou de votar...
Era bom que assim não fosse... Mas os problemas podem não acontecer só na Alemanha. França, Itália e Holanda, por exemplo, também têm eleições em 2017... Por isso, nesta altura o mais importante é prevenir antes que seja tarde!

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.