Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +

Braga, cidade aberta...

A Galinha fala de choca

Braga, cidade aberta...

Ideias Políticas

2022-11-29 às 06h00

Ana Macieira Ana Macieira

Nunca como agora as cidades e as regiões foram tão determinantes para o futuro da nossa economia e sociedade. Braga é o exemplo de uma Cidade que aposta no futuro de forma aberta e participada. Numa Europa das Cidades e Regiões onde a agenda de competitividade e inovação continua a ser marcada por uma quase total ausência de envolvimento da Sociedade Civil, o contexto da Agenda de Mudança protagonizado pelos diferentes atores nas cidades mais jovem do país é um exemplo que merece ser saudado. A Estratégia do nosso município é uma estratégia feita a pensar no futuro. Um Contrato de Confiança assente na convicção de que ainda é possível. Ou seja, um exemplo que fará renascer a aventura do conhecimento numa cidade que sempre acreditou em si e que faz do compromisso inteligente entre a tradição e a inovação como a base da sua capacidade.
Em tempo de acelerar a mudança de modelo sócio-económico do país, no quadro duma globalização competitiva exigente, o atual executivo tem sabido fazer o seu trabalho de casa e protagonizar uma agenda para o futuro. Empreendedorismo e Inovação são palavras-chave numa ação para a mudança assente em alguns operadores de modernidade que têm reforçado verdadeiras redes de cooperação inteligente a partir das competências locais. O papel ativo da Universidade do Minho, que com a sua dinâmica tem sabido atrair cada vez mais estudantes estrangeiros para a cidade, a promoção do espírito inovador protagonizada pela StartupBraga, o papel acelerador de empresas âncora como a Bosch têm sido essenciais para a consolidação de uma marca onde o digital e a sustentabilidade asseguram um compromisso inteligente entre a tradição e a inovação.
É com agrado que testemunho, diariamente, a dinâmica cultural e artística evidente no Theatro Circo e em muitas obras arquitetónicas de referência. Vivemos numa cidade que acredita nas suas marcas e em que a competitiva candidatura a Capital da Cultura bem demonstra, tal como a mais recentemente anunciada candidatura à primeira Capital Europeia da Democracia.
Braga é uma cidade aberta, pois sabe integrar de forma positiva os seus cidadãos - o exemplo de sucesso da vasta comunidade brasileira demostra esta característica claramente. Um espaço público onde se vive em cada momento presente a ambição dum futuro que se constrói com a participação de todos e onde se inventam novos conceitos de cooperação nas diferen- tes áreas da intervenção cívica. Com a aposta permanente na inteligência competitiva e numa agenda de verdadeiro valor partilhado é claro esse sentido de que a tecnologia e a inovação permitem na renovação de uma comunidade e de todos aqueles que fazem parte dela. Braga, não será deste modo apenas Capital Europeia da Cultura, mas também Capital Europeia da Democracia com a maior justiça, devido ao seu perfil aberto, inclusivo e de valorização do seu património e das suas tradições.

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias Políticas

31 Janeiro 2023

Os Jovens estão em Luta

24 Janeiro 2023

Capital Europeia da...

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho