Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +

A Voz aos Alunos – um exercício de democracia!

Sete recados capitais

A Voz aos Alunos – um exercício de democracia!

Voz às Escolas

2020-01-06 às 06h00

Maria da Graça Moura Maria da Graça Moura

Em teoria, a escola é o lugar da oportunidade para exercer a democracia! É o espaço de todos, sem exceção, sem lugar a discriminação de qualquer tipo. Onde se aprende o que significa ser diferente, com respeito pela individualidade de cada um, onde todos devem ter a resposta adequada às suas condições, onde a prática da equidade deverá ser constante.
Mas são tantos os constrangimentos, a falta de tempo, de recursos, de projetos direcionados, o impacto causado pelos problemas sociais, ambientais, da condição humana! São tantos os obstáculos ao funcionamento perfeito deste lugar maravilhoso. E tantos, tantos, dependem da nossa vontade. Da vontade de toda uma comunidade que tem a responsabilidade de criar bem as novas gerações, de lhes dar as ferramentas necessárias para procurarem, sem medos, a felicidade individual e coletiva.

De valorizar a escola enquanto lugar de excelência para fomentar o crescimento saudável e completo, em parceria com a família.
É grande o esforço para conseguir fazer da escola este lugar ideal. É ainda maior o esforço para fazer da escola este lugar ideal em conjunto com os seus principais atores – os alunos.
No dia 17 de dezembro demos-lhes voz distribuindo-os, em grupos organizados por ordem alfabética, desafiando-os à REFLEXÃO SOBRE VALORES do PERFIL DOS ALUNOS PARA O SÉCULO XXI - Responsabilidade e integridade, excelência e exigência, curiosidade, reflexão e inovação, liberdade.
Colocamos várias questões e, em grupos, expressaram as suas ideias. Aqui deixamos as suas opiniões, pois entendemos ser importante partilhá-las. Os textos completos poderão ser disponibilizados aos encarregados de educação.

Uma pessoa não pode íntegra sem ser responsável, ser capaz de responder pelos seus próprios atos e ações. Ajudar os que precisam, ser honesto e não mexer no que é dos outros, ser coerente.
Excelência é sermos melhor no que fazemos. A exigência é um impulso para alcançar um objetivo, torna-nos pessoas melhores. Não significa perfeição mas sermos os melhores nas pequenas coisas do dia-a-dia.
A escola devia de promover mais visitas de estudo. Aulas mais dinâmicas. Mais espaços ao ar livre e mais dispositivos móveis nas salas de aula. Trabalhos diversificados. A escola oferece condições para desenvolver a criatividade e a capacidade de reflexão. A biblioteca é um espaço de aprendizagem onde se descobre mais informação. Mais oportunidade a todos os alunos de participar nos projetos que desenvolve e nos clubes que dinamiza. Promover mais debates para dar opinião e desenvolver a criatividade.

As frases expostas nas paredes da escola em diferentes línguas estimulam a capacidade de reflexão e de curiosidade. A criatividade não é valorizada. O gabinete de reflexão, as mensagens sobre ambiente, os inquéritos na biblioteca ajudam a desenvolver a capacidade de criatividade e de reflexão.
O laboratório de matemática, o clube de xadrez e a sala de estudo, atividades na biblioteca são espaços que desenvolvem a capacidade de inovação.

Ser cidadão ativo é participar em eleições, lutar por direitos ou por causas, respeitar os colegas, contribuir para melhorar as condições de vida na terra, ajudar pessoas com limitações, expressar as nossas ideias. Participação é podermos ter voz ativa tanto na escola como na família. O respeito que é base de tudo, liberdade de expressão, direito à vida, segurança, direito a ter uma família.
É um espaço de cidadania ativa quando os alunos participam e reciclam os resíduos; não ter vergonha de expor as dúvidas e curiosidades; não desperdiçar comida; ajudar a integrar alunos novos.
Liberdade é pensar pela própria cabeça, é poder dar a nossa opinião, podermos ser quem somos sem termos de ser julgados.
Orgulhosamente dizemos, assim se formam cidadãos ativos! E se faz da escola um lugar maravilhoso! Na prática.
Feliz Ano Novo!

Deixa o teu comentário

Últimas Voz às Escolas

24 Fevereiro 2020

Festa das Lanternas

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.