Correio do Minho

Braga, quinta-feira

A imigração na U.E. (2)

Aprender a viver sustentavelmente com o Programa Eco Escolas

Ideias

2019-01-11 às 06h00

Paulo Monteiro


Hoje voltamos ao tema. A imigração é um assunto demasiado sério e está a ser uma grande dor de cabeça para toda a Europa, mas que tem de ser, definitivamente, resolvido. Começo por repescar a última frase de ontem para dar seguimento à ‘conversa’ de hoje... “A União Europeia está também a ajudar estes países com apoio financeiro desde o início de 2015.” E é verdade: a Grécia recebeu mais de 353 milhões de euros para a ajuda de emergência. Apoio que se converte em ajuda no fornecimento de alojamento, alimentação e material médico aos migrantes e que serve, igualmente, para equipar guardas de fronteiras nacionais. Através do novo Instrumento de Apoio de Emergência a União Europeia já dis- ponibilizou 401 milhões de euros em ajuda humanitária para melhorar as condições de vida dos refugiados na Grécia. Está, também, a trabalhar na elaboração de novas formas de apoio a Itália, tanto financeiras como através do reforço da cooperação regional. Espanha, que foi recentemente considerado um Estado-Membro com um aumento das chegadas, também recebe financiamento para apoiar a gestão das suas fronteiras. Por isso, quando ouvimos falar de que há falta de solidariedade dos restantes países europeus em relação à questão dos migrantes, é verdade, mas também há verdades que não se dizem. Uma delas é que Grécia, Itália e Espanha recebem apoios europeus para ajudar na questão dos migrantes. Por isso, o recusar a entrada nos seus países desses migrantes e deixá-los à deriva no Mediterrâneo, também não é um gesto de solidariedade mas mais uma posição política e que se tornou, no caso italiano, mais em populismo que em outra coisa. Mas também sabemos que há falta de solidariedade na pós recepção desses migrantes: é que há países que não os aceitam receber. Portugal tem sido excepção. E ainda bem. Voltamos ao assunto na segunda-feira....

Deixa o teu comentário

Últimas Ideias

24 Janeiro 2019

2019 é ano de decisões

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.