Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +

A Antena de Informação Europeia de Famalicão e o Ano Europeu da Juventude

Usamos Bruxelas como desculpa para muita coisa

A Antena de Informação Europeia de Famalicão  e o Ano Europeu da Juventude

Voz às Bibliotecas

2022-05-19 às 06h00

Carla Araújo Carla Araújo

No texto da Decisão (UE) 2021/2316, do Parlamento Europeu e do Conselho da União Europeia, datada de 22 de dezembro de 2021, é designado o ano 2022 como o Ano Europeu da Juventude. Nos trinta e três “considerandos” que dão justificação à definição deste “Ano Europeu” merece destaque, para esta minha crónica, a sua alínea 21) que define o seguinte: “O Ano Europeu deverá desenvolver e procurar sinergias com iniciativas e eventos europeus, como o Encontro Europeu da Juventude, a Semana Europeia da Juventude, a Capital Europeia da Juventude, a Capital Europeia da Cultura, o Dia da Europa e as Jornadas Europeias do Património”.
No artigo 2.º - Objetivos, da referida Decisão, destaco e transcrevo a seguinte preocupação: “Apoiar todos os jovens na aquisição de uma melhor compreensão sobre as várias oportunidades à sua disposição no âmbito das políticas públicas a nível da União, nacional, regional e local, bem como na promoção ativa dessas oportunidades, a fim de favorecer o desenvolvimento pessoal, social, económico e profissional dos jovens num mundo ecológico, digital e inclusivo, e em simultâneo visar a eliminação dos obstáculos que ainda existem a este respeito”. Ora, todo este preâmbulo serve de introdução à crónica que pretendo hoje publicar pela circunstância de na passada semana se ter comemorado o Dia da Europa, a 9 de maio. O Município de Vila Nova de Famalicão, a par de outros municípios da área de influência do Europe Direct do Minho, assinalou esta importante efeméride com um programa alargado, que designamos de “Semana da Europa”, que decorreu no período de 9 a 13 de maio.
Em Vila Nova de Famalicão o evento foi coorganizado pela Antena de Informação Europeia, da Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, e pela Rede Eurodesk, da responsabilidade do Pelouro da Juventude. Atendendo à temática do Ano Europeu da Juventude consideramos pertinente esta união de esforços para dar mais visibilidade e destaque à comemoração desta importante efeméride num tempo tão desafiante para o projeto europeu.
Assim, no dia 9 de maio, no torreão do edifício dos Paços do Concelho, reuniu-se todo o executivo municipal para, num ato simbólico de comemoração, hastear a bandeira da União Europeia. Entre outras iniciativas, no dia 11 de maio decorreu a iniciativa “Encontro Europeu”, com a presença da Dra. Alzira Costa, coordenadora da Europe Direct Minho, que abordou questões relacionadas com a definição deste ano 2022 como Ano Europeu da Juventude. Para partilha e reflexão com os jovens presentes foram colocadas à convidada algumas questões, como por exemplo: quais as preocupações subjacentes a esta temática, que oportunidades o Ano Europeu da Juventude tem para oferecer aos jovens, o que é que a União Europeia faz pelos jovens europeus, que perspetivas e expetativas de futuro podem ter os jovens europeus, etc.
As resposta a estas questões foram agrupadas em quatro grandes eixos de atuação, que correspondem simultaneamente a quatro grandes objetivos deste Ano Europeu da Juventude:
1.º: renovar as perspetivas positivas dos jovens, destacando a forma pela qual a transição ecológica e digital e outras políticas da União proporcionam oportunidades para os jovens e a sociedade em geral;
2.º: capacitar e ajudar os jovens, sobretudo aqueles com menos oportunidades, no sentido de se tornarem cidadãos ativos e agentes da mudança, inspirados num sentimento de pertença à Europa;
3.º: apoiar os jovens na aquisição de uma melhor compreensão sobre as várias oportunidades à sua disposição, nomeadamente no âmbito das políticas públicas a nível da União, nacional, regional e local, bem como na promoção ativa dessas oportunidades, e
4.º: integrar a política da juventude em todos os domínios políticos pertinentes da União, em consonância com a Estratégia da União Europeia para a Juventude 2019-2027, com vista a incentivar a inclusão de uma perspetiva da juventude a todos os níveis do processo de elaboração de políticas.
A concretização deste evento assumiu-se como mais uma excelente oportunidade para a Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco dar prova do trabalho realizado pela Antena de Informação Europeia de Vila Nova de Famalicão.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho