Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Terras de Bouro adere ao Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes Públicos
Famalicão Extreme Gaming com mais de 2 mil visitantes no primeiro dia

Terras de Bouro adere ao Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes Públicos

Espírito natalício invadiu o Hospital de Braga

Terras de Bouro adere ao Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes Públicos

Cávado

2019-08-24 às 18h18

Redacção Redacção

Destina-se à redução tarifária nos transportes públicos coletivos e ao aumento da oferta de serviços, tendo por objetivo combater as externalidades negativas associadas à mobilidade.

No âmbito da implementação do Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes Públicos (PART), que se destina à redução tarifária nos transportes públicos coletivos e ao aumento da oferta de serviços, tendo por objetivo combater as externalidades negativas associadas à mobilidade, nomeadamente, o congestionamento, a emissão de gases de efeito de estufa, a poluição atmosférica, o ruído, o consumo de energia e a exclusão social, o Município de Terras de Bouro anuncia que será transferida para a CIM do Cávado uma verba de 1 628 347.84 euros do Fundo Ambiental e que serão alocados 72 248.76 euros a Terras de Bouro.
A aplicação  da verba atribuída ao Município de Terras de Bouro será feita da seguinte forma:
1.Apoiar 50% do valor do transporte escolar do Ensino Secundário dos alunos que frequentem o Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro e dos alunos que, por inexistência da oferta formativa pretendida no concelho, frequentem estabelecimento de ensino fora do concelho;
2.Reforçar a oferta de transportes públicos nas linhas de Souto -Terras de Bouro (por Ribeira), Souto - Terras de Bouro e Rio Caldo – Ermida;
3.Reduzir 75% do valor dos passes para pessoas ativas no mercado de trabalho residentes no concelho que se deslocam para o seu local de trabalho, dentro ou fora do concelho, em transporte público colectivo;
4.Reduzir 80% do valor da carteira de 10 bilhetes pré-comprados para pessoas desempregadas e pensionistas.
Estas medidas entram em vigor a partir do dia 1 de setembro de 2019.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.