Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Site do Município de Cerveira é o melhor e mais acessível aos cidadãos
S. Vicente abençoou crianças contra doenças

Site do Município de Cerveira é o melhor e mais acessível aos cidadãos

Professores reconhecem metodologia que reforça aprendizagens das crianças

Site do Município de Cerveira é o melhor e mais acessível aos cidadãos

Alto Minho

2019-12-05 às 06h00

Marta Amaral Caldeira Marta Amaral Caldeira

Vila Nova de Cerveira é o Município português melhor ‘cotado’ no Índice de Presença na Internet. Ontem, em Guimarães, o autarca Fernando Nogueira, recebeu o 1.º prémio e várias menções honrosas.

Vila Nova de Cerveira é o Município do país cujo site na Internet é considerado o mais acessível e próximo dos cidadãos e também com melhores conteúdos e serviços públicos prestados. O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, recebeu, ontem, em Guimarães, o primeiro prémio IPIC 2019 - Índice de Presença na Internet das Câmaras Municipais - das mãos da ministra da Modernização e da Administração Pública, Alexandra Leitão.
“O nosso primeiro compromisso é para com os munícipes”. Orgulhoso pelo facto de o Município que lidera ter arrecadado o primeiro lugar, o autarca cerveirense confessou a sua satisfação, considerando que o site do Município de Vila Nova de Cerveira tem servido, acima de tudo, para “prestar um bom serviço aos cidadãos” e “com transparência”.

“Temos feito um percurso em crescendo no que diz respeito à aplicação das novas tecnologias”, sublinhou o presidente da Câmara de Vila Nova de Cerveira, assinalando que “as autarquias têm que cumprir cada vez mais a modernização dos serviços porque o papel das autarquias é precisamente trabalhar para os cidadãos”.
Indicando que muitas vezes é ele próprio que responde directamente aos e-mails dos cidadãos, Fernando Nogueira indica que “só poderemos oferecer bons serviços e cumprir esse desiderato se fizermos também progressos significativos na modernização e na aplicação das novas tecnologias que nos permitam trabalhar com transparência”. “Há ainda muito a fazer, mas estamos no bom caminho”, asseverou.

Os prémios IPIC - uma iniciativa da Universidade do Minho e da Universidade das Nações Unidas, em conjunto com a Agência para a Modernização Administrativa, foram entregues em cerimónia realizada no Centro Cultural Vila Flor, em Guimarães, onde foram divulgados os resultados do estudo realizado aos municípios portugueses.
Parabenizando todos os municípios galardoados pelos serviços que prestam on-line, a ministra da Modernização do Esta- do afirmou que a transformação digital dos serviços públicos, centrais e locais, é uma “prioridade” para o governo.
“A verdade é que 1/4 dos portugueses ainda não usa a Internet e esse é um desafio para melhorarmos estes indicadores, nomeadamente através dos Espaços Cidadão”, apontou. “O objectivo é que uma governação de proximidade permita uma maior participação dos cidadãos e também uma maior fiscalização e transparência das políticas”, indicou a ministra.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.